social-media-facebook-whatsapp-youtube

Facebook, WhatsApp e YouTube estão em 80% dos smarts dos jovens

Dados do IBOPE + CONECTA também indicam tendência de crescimento de apps de trânsito e táxi

18.jul.2014

Na abertura do youPIX BIZ, que aconteceu nesta quinta-feira na Bienal do Ibirapuera, em SP, CONECTA e IBOPE apresentaram dados sobre o comportamento do jovem digital, identificando tendências e mostrando números atuais dos brasileiros.

Com uma base de dados obtida em parceria com o youPIX, entrevistando 1996 pessoas entre 15 e 32 anos, o CONECTA confirmou a ubiquidade da web para essa parcela da população – 96% dos entrevistados disseram acessar a internet todos os dias, e Laure Castelnau, diretora do CONECTA, destaca que não existe muita diferença de comportamento desse jovem entre classes sociais, com exceção da classe D, que vem rapidamente se aproximando do comportamento médio das outras classes.

Nos smartphones, 80% possuem aplicativos do Facebook, WhatsApp, YouTube e email instalados, e apps de táxi e trânsito aparecem em alta, com adoção bastante rápida. Curiosamente, ao contrário do que se poderia imaginar, esse jovem não está muito acostumado a comprar online – 20% dos entrevistados alegaram não utilizar lojas virtuais, e 80% alega fazer compras em ecommerces, mas sem tornar isso um hábito.

Juliana Sawaia, diretora de Learning & Insights do Ibope, ressalta que o comportamento desse jovem é o de utilizar a web mais como uma plataforma de acesso e não como uma mídia, e mesclando conteúdos do digital e dos meios mais tradicionais – o que ela chama de tradigital.

tradigital-ibope

Dentre os 85% desse público que acessa a web, 93% navegam em redes sociais e 66% assistem ou baixam vídeos através da rede – a internet aparece como principal fonte de entretenimento para 43% dos entrevistados pelo Ibope, número maior do que os 32% do total da população pesquisada pela empresa.

facilitadores-de-conexao-ibope

Esses jovens digitais também fazem o possível para otimizar o tempo que têm livre para fazer o que gostam: 61% usam mais de um meio de comunicação ao mesmo tempo, e concentram esse acesso no chamado “horário nobre”, aquelas pouca horas entre o chegar em casa e ir dormir, normalmente entre as 20h e 00h. Por isso. esse seria um horário com maior tendência de gerar engajamento com essa audiência digital, por ser o momento em que o público está mais disponível para ser impactado.

consumo-meios-ibope social-tv-ibope

Os dispositivos também acabaram se tornando uma extensão do corpo do jovem digital, que passa a “sentir” e perceber o mundo através dos aparelhos que os conectam entre si. O contato virtual, com isso, ganha contornos de relacionamento duradouro, a ponto de uma mensagem de texto se tornar tão importante quanto uma ligação telefônica, explicou Sawaia.

Os dados completos das pesquisas do CONECTA e do IBOPE podem ser conferidos nos slides abaixo.

Comente