Animação chama atenção para o câncer testicular

Studio AKA assina o divertido #Feelingnuts

10.out.2014

Em inglês, assim como em português, há diversas palavras para se referir aos testículos, que vão de bolas às jóias da família. Daí que entra o raciocínio de #Feelingnuts, campanha criada pelo Studio AKA para o movimento de conscientização do câncer testicular Check One For Two:

“Nós realmente devemos amar nossos testículos para dar a eles tantos nomes carinhosos.”

O problema é que, apesar de todo esse amor, os homens não conseguem dar a devida atenção aos riscos de desenvolverem um câncer testicular, apesar de inúmeras campanhas sobre o assunto, como por exemplo essa aqui, da Asociación Española de Adolescentes y Adultos Jóvenes con Cáncer, e essa aqui, criada pela BBDO de Toronto.

#Feelingnuts, entretanto, chama a atenção por ser muito mais divertida e simpática, sem perder o foco na informação. A animação mostra dois testículos correndo inúmeros riscos que são comparados à doença, explicando as chances de cura diante de um diagnóstico precoce, etc.

Apesar de estarmos no Outubro Rosa, mês dedicado à conscientização do Câncer de Mama, prevenção é uma palavra que vale em qualquer época do ano.

Captura de Tela 2014-10-09 às 18.12.41

Comente

  • Adorei!!!

    • danielneves

      É choque!

  • Tiago

    Só faltou explicar como é feita a verificação da doença…

    • Bruno

      A verificação é feita através do toque .. procurando por nódulos na superfície testicular.

    • Luis Augusto

      Explicou quando disse “So, whats the plan? Well that is simple. I´m feeling Nuts…”. Eis o ponto da máxima que diz “para bom entendedor…”.

      • Ronaldo

        hey cara, vc quer ajudar o colega q não entendeu o inglês ou aproveitar a deixa pra pagar de entendedor super ultra fodão?

        • Dani

          Não creio que luis disse com essa intenção, mas enfim. a tradução seria “entao, qual o plano? bem, é simples. Eu estou me sentindo maluco*” acontece que “I’m feeling nuts”, alem de poder ser traduzida como “estou me sentindo maluco”, pode ser traduzida para “estou sentindo as bolas”. É um joguinho de palavras para incentivar homens a tocarem suas bolas em busca de nódulos.

        • Luis Augusto

          Vlw Dani. “That´s it”.

    • Como se ir ao ginecologista fosse uma visita ao playgrounds, né? :)

      É um pequeno preço pra descobrir algo tão devastador e curá-lo a tempo!

  • Marcos Ravena

    A campanha é ótima. O problema é que, depois dessa animação, toda vez que for comer amendoins lembrarei desses dois pentelhudos! HAHAHAHAHAHAHA

  • João

    Então, eu tenho que tirar fotos do meu saco e usar a hashtag #Feelingnuts?

    • Alan Pereira

      amostra os nuts

  • Feco Porto

    HAHAHAHAHA.. adorei!

  • Goodtimes

    Hum… através do toque… bom, então pratico isso todo o dia..

    • Andrey Andreo

      THANKS FOR SHARING!

  • Eeita

    A animação é ótima. O texto é interessante mesmo com esse inglês caipira level bem alto.. Mas fala sério — -isso é mesmo um problema? Nunca ouvi falar disso e com ctz é só mais uma paranoia do mundo moderno.

    O q será q faz certos grupos e comunidades forçar o planeta a se preocupar com o que não é realmente um problema? A waste of time and effort.

    • Baguinho

      Waste of time and effort… É exatamente este tipo de pensamento que faz com que a doença não seja diagnosticada a tempo de ser curada. Lembra da taxa de mortalidade do câncer de mama há 20 anos atrás? Sua futura metástase agradece a sua forma de pensar!

      • Eeita

        O q eu quero dizer é q realmente o mundo está ficando cada vez mais paranoico e preocupado com coisas q nao sao realmente preocupantes… Pelo menos para a maioria das pessoas.

        Se vc começar a encanar com as possibilidades negativas que existem toda vez que puser o pé fora de casa, entao vvc vai preferir se proteger em casa todos os dias. Vai sofrer de agorafobia.

        A probabilidade de vc se acidentar ao sair de casa é minúscula. Ela existe mas é minima. Todo mundo sabe disso. Tão fácil de observar isso. Basta conversar com os amigos e perguntar — nos últimos dez anos, quantas vezes vc saiu de casa e voltou com a perna quebrada ou o pescoço torcido ou com um ferimento no peito?

        Andar de avião é a coisa mais segura do mundo. É quase um avião decolando e chegando ao destino a cada segundo. Procure no Google. Mas aí quando um avião (apenas um) cai, a mídia trata o acidente como algo realmente tenebroso. Não , não é assim dramático. Basta olhar para as estatísticas que provam que realmente avião é hiper super mega seguro.

        Ter algum problema nos testículos com ctz é algo de menor importância. Eu tenho dois. E não encano. Assim como nao encano com gripe ou qq outra doença séria ou não. É a forma mais inteligente de viver.

        Não acredite em tudo o que vc pensa. E muito menos se deixe levar pela mídia que curte muito apelar para o lado que tem medo no ser humano. É uma estratégia.

        Um certo tipo de receio é saudável. Muitos não são.

        Escrevi até demais. Bastaria postar o seguinte (veja o item n. 1)

        http://www.nicholasgimenes.com.br/2011/03/nao-acredite-em-tudo-o-que-voce-pensa-6.html

        • Joao Bosco F. Filho

          É que você provavelmente nunca teve contato próximo com alguém diagnosticado com câncer, senão não escreveria tanta bobagem.
          Não se encanar com qualquer doença séria (ou não) é de longe a coisa mais idiota que já li hoje. Ou sempre. Sem ofensa.

    • Laborum

      Em 2012 eu fui diagnosticado com câncer de testículo, o médico disse que ele atendia 2 homens por ano só na clínica dele. É mais comum do que parece só não se tem acesso as informações, eu mesmo só conheci essa doença quando já estava diagnosticado.

      Waste of time?…maybe. But if you find something, you’ll be very glad to this.
      And yes, now i have only one ball.

      Peace bro.

  • Stay Puft

    onde posso encontrar belas enfermeiras para me examinar??

  • Ullisses Castro