andressaalvesstory

Nike reconta história de Andressa Alves em comercial para a Copa do Mundo Feminina

Vídeo mostra como a atual meia da seleção teve que se virar para ter seu primeiro contato com a bola na infância

por Pedro Strazza

A Copa do Mundo Feminina está aí mais uma vez, e conforme a França faz os últimos preparativos antes da abertura do torneio no próximo dia 7 de junho as mais diferentes empresas já mostram seu apoio ao evento buscando divulgá-lo da forma mais ampla possível.

Isso inclui, claro, a divulgação da seleção brasileira, que vem ganhando maior espaço na mídia nacional em relação aos outros anos. Além de marcas como a Guaraná Antártica e o Boticário terem criado campanhas e ações especiais para o time feminino da CBF, a Globo já confirmou que transmitirá os jogos da equipe na Copa durante o mês de junho e, quem sabe, julho.

Agora foi a vez da Nike promover a seleção brasileira, num comercial que honra os ideais sentimentais que fizeram famosas suas campanhas. Criado pela Wieden+Kennedy, a peça da vez é centrada na jogadora Andressa Alves, meia-campista que reconta aqui suas origens com o esporte num relato que sintetiza de forma muito sutil toda a miríade de dificuldades enfrentadas por mulheres que buscam se tornar esportistas e precisam superar os estereótipos de gênero forçados na infância.

Isso porque o comercial, intitulado apropriadamente de “Andressa Alves’ Story” se concentra em mostrar a jogadora quando criança, enfrentando o desejo insistente da família para que ela brinque de boneca ao invés de jogar futebol. A separação é evidente (e dolorosa): enquanto os meninos podem sair na rua e brincar com a bola sem nenhuma preocupação, a versão infantil de Alves na peça literalmente tem que dar seus corres pra conseguir fazer o mesmo – e usando a cabeça de uma boneca, ainda por cima. Ao final, o slogan volta a refletir o posicionamento maior da marca nestes últimos tempos com “Não mude o seu sonho. Mude o mundo”. Confira acima a peça na íntegra.

Compartilhe: