Adobe Premiere ganha ferramenta de inteligência artificial que “corrige” vídeo para diferentes formatos

CriatividadeSocial MediaTech

Adobe Premiere ganha ferramenta de inteligência artificial que “corrige” vídeo para diferentes formatos

"Auto Reframe" permite ao usuário ajustar sem maior demora o deslocamento do quadro do vídeo quando está convertendo o produto finalizado para formatos verticais ou quadrados

por Pedro Strazza

Um dos efeitos colaterais menos discutidos, mas extremamente importantes da explosão das redes sociais nesta década sem dúvida é a maleabilização do formato de vídeo. Afinal, o que antes era um widescreen formado depois de décadas de evolução do quadro de exibição nas telonas virou de tudo, bem ao gosto do que cada plataforma – e smartphone – precisa para providenciar a experiência de imersão ideal ao usuário. Coitado do editor de vídeo, condenado a ajustar as produções profissionais para orientações verticais e tendo que fazer aparas constantes.

Foi com os profissionais da edição e da montagem em mente que a Adobe anunciou hoje (13) o lançamento de uma nova ferramenta para o Premiere que visa agilizar essa parte do processo – e impedir que ninguém enlouqueça no processo. Intitulado “Auto Reframe”, a função automatiza o deslocamento do frama do vídeo ao objeto de interesse independente das dimensões de enquadramento que o editor precise – seja 16:9, vertical ou quadrado – através do software de inteligência artificial da companhia, o Adobe Sensei.

O Auto Reframe ainda conta com três opções de velocidade que ajudam o usuário a orientar com melhor precisão o que a ferramenta vai encarar ao fazer esse exercício de formatação, incluindo aí vídeos de pouco e muito movimentação. Depois que o trabalho é feito, o editor ainda pode manualmente fazer ajustes no keyframe para obter exatamente aquilo que lhe interessa. O vídeo acima demonstra estas novas funcionalidades do Premiere.

Apresentado durante a realização da International Broadcasting Convention, o Auto Reframe deve ser disponibilizado no Adobe Premiere até o fim do ano.