Zoom atinge 300 milhões de usuários

Zoom atinge 300 milhões de usuários

Até dezembro de 2019, o app tinha apenas 10 milhões de usuários

por Soraia Alves

Nota do editor: a informação foi divulgada de maneira errada pelo Zoom, que se referiu ao número de participantes diários como “usuários”. Mais informações sobre o caso aqui.

No último dia 21/04, o Zoom bateu um recorde de 300 milhões de usuários utilizando a plataforma de videoconferência. O número representa um aumento de 100 milhões de novos usuários em relação ao mês de março.

Até dezembro de 2019, o app tinha apenas 10 milhões de usuários. Foi justamente a pandemia mundial do novo coronavírus que fez milhões de pessoas conhecerem o serviço, especialmente quem está trabalhando de casa. “Claramente, a plataforma Zoom está fornecendo um serviço incrivelmente valioso para nossos amados usuários durante este período desafiador”, disse o CEO Eric Yuan durante a conferência virtual na quarta-feira, 22/04, que anunciou os novos números.

O rápido crescimento do Zoom, porém, levantou questões sobre sua segurança e privacidade. A empresa tem lidado com alguns problemas em sua privacidade, como uma possível prática do chamado “bombardeio de zoom”, em que trolls “sequestram” as reuniões dos usuários e praticam diversas formas de assédio. O Zoom também passou um tempo enviando dados de análise para o Facebook sem alertar seus usuários.

Na mesma conferência, a empresa anunciou que a nova versão de seu software, programada para ser lançada para os usuários dentro de uma semana, deve corrigir esses problemas.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link