fbpx
tindervacina
Imagem: Divulgação

Tinder vai incentivar vacinação contra Covid-19 na dinâmica de matches

Parceria com movimento Unidos Pela Vacina e governos estaduais vai disponibilizar banners educativos, links para locais de vacinação e stickers temáticos na plataforma

por Pedro Strazza

Conforme a vacinação contra a Covid-19 segue avançando no Brasil, muitos negócios buscam ajudar o trabalho das autoridades de saúde para conter a pandemia e retomar a normalidade anterior à disseminação do coronavírus pelo mundo. O Tinder é o caso mais recente dessa onda: a rede social na última terça (10) anunciou uma nova campanha para sua Central de Vacinação no país, de olho no exercício de conscientizar, informar e estimular a imunização da doença entre seus usuários – cuja maioria, que tem entre 18 a 25 anos, começa agora a receber a primeira dose.

A ação busca sobretudo incluir informações sobre a vacinação dentro da dinâmica tradicional de matches e papinhos da rede social. De acordo com o Tinder, a Central de Vacinação contará com banners educativos que promovem mensagens sobre a importância de se vacinar e uma aba com links que apontam para os locais oficiais de vacinação, além de disponibilizar stickers temáticos que divulgam e estimulam a adesão à imunização – incluindo mensagens como “Vacinas Salvam Vidas”, “Dose 1 ok”, “Vou Tomar a Vacina” e “Imunização”.

A central é fruto também do alinhamento da plataforma com os governos estaduais e o Unidos Pela Vacina, movimento civil que busca imunizar a totalidade da população brasileira até setembro deste ano – não à toa, o recurso tem escopo nacional para justamente ajudar nessa meta. Na divulgação, o diretor nacional do Tinder no país, Rodrigo Fontes, escreve que “Trazer informação sobre a eficácia das vacinas é essencial para voltarmos a conviver socialmente de forma segura” e comenta que o aplicativo “tem o orgulho de apoiar essa iniciativa tão importante”. “Nossa esperança é que os stickers tornem mais fácil e divertido para todos compartilharem seu status de vacinação no perfil, além de uma maneira de apoiar os nossos membros a continuar buscando conexões no app” finaliza o executivo.

Ainda de acordo com o Tinder, a implementação dos stickers temáticos se dá após a plataforma notar um aumento de 900% nas menções à vacina no ecossistema brasileiro desde março de 2020. Além disso, o avanço da vacinação nos mais jovens fez as menções a “vacinado” e “vacinada” crescerem respectivamente seis e cinco vezes nas bios desde o último mês de julho.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link