The-Shining

Warner encontra diretor para sequência de “O Iluminado”

Cineasta escolhido para dirigir “Doutor Sono” vem de outra adaptação das obras de Stephen King

por Pedro Strazza

Com o sucesso estrondoso da primeira parte da adaptação de “It – A Coisa” para os cinemas, a Warner Bros. – bem como grande parte do mercado, muito provavelmente – está de olho agora em novas obras de Stephen King que tenham o potencial lucrativo tão grande quanto a história do palhaço Pennywise. E a primeira aposta do estúdio sob este raciocínio já tem nome: “Doutor Sono”, a sequência de “O Iluminado” lançada em 2013 pelo autor americano.

O estúdio anunciou hoje (26) que contratou o cineasta Mike Flanagan como diretor da produção, que deve dar sequência ao que foi visto no filme de 1980 de Stanley Kubrick cerca de trinta anos depois. Flanagan, um nome conhecido do horror já há alguns anos e que ganhou maior visibilidade recentemente com seu “Jogo Perigoso” (justamente uma adaptação do livro homônimo de King feita pela Netflix), também será encarregado de reescrever o roteiro de Akiva Goldsman, produzido anos atrás mas que pelo visto não agradou os executivos. Trevor Macy e Jon Berg – há pouco tempo produtor principal dos filmes da DC Comics – serão responsáveis pela produção da continuação.

Antes de embarcar na superprodução, porém, Flanagan deve terminar de produzir “The Haunting of Hill House”, adaptação do livro homônimo de Shirley Jackson que o cineasta está realizando para a Netflix como uma minissérie em dez episódios.

“Doutor Sono” acompanha o menino Danny Torrance em sua fase adulta, mostrando como a criança “iluminada” da história original é atormentada pelos mesmos demônios interiores do pai. Passado pouco antes do 11 de setembro, a trama também apresenta uma nova criança de poderes psíquicos, a jovem Abra Stone.

A adaptação ainda não teve data de lançamento marcada pela Warner.

Compartilhe: