Cidades inclusivas e sustentáveis

The Shift #16

Por que uma fabricante de automóveis estaria tão interessada em ajudar na construção de cidades mais inclusivas? E por que a transformação das cidades em ambientes inteligentes e sustentáveis passa pela mobilidade? Viviane Mansi, diretora de comunicação e sustentabilidade da Toyota para Latam e Caribe e Maurício Bouskela, da Divisão de Desenvolvimento Urbano e Habitação do BID, nos ajudam a responder. Dá o play e vem com a gente desbravar o futuro das cidades.

=====

Uma das situações mais frustrantes para o consumidor é quando o servidor não responde no momento da compra. Aquela setinha rodando é agoniante… Isso acontece muito em momentos de picos de acesso, como a época de Black Friday por exemplo. 

E o problema é a capacidade de armazenamento e performance do ambiente, que não suporta muitos acessos simultâneos. Por isso, para garantir uma boa experiência para o cliente, é necessário aumentar a capacidade. Esta é uma das grandes vantagens da nuvem: aumento e diminuição de capacidade na medida da necessidade. Acabou o momento de pico, o espaço extra é descartado. Além disso, a responsabilidade com a segurança fica com o fornecedor da nuvem.
A Embratel oferece o Connect Cloud, uma plataforma segura e confiável,  baseada no conceito OpenStack (ou seja, facilmente integrável com outros sistemas que você já tenha). Se você precisa de maior controle, escalabilidade, flexibilidade e segurança em cloud, dá uma olhada lá: embratel.com.br/connectcloud.

=====

LINKS DO EPISÓDIO

Woven City – A cidade interconectada da Toyota

Cartilha “O caminho para as Smart Cities”, do BID

O livro “Future Cities: Architecture and the Imagination”, de Paul Dobraszczyk.

A série “Pandemia”, do Netflix.

=====

FALE CONOSCO

Email: [email protected]

=====

ASSINE A THE SHIFT

www.theshift.info