Quer isolar a voz do vocalista da música que ele canta? Esta inteligência artificial pode te ajudar

Desenvolvido pelo Deezer, Spleeter é capaz de separar canção em quatro faixas de áudio até 100 vezes mais rápido que programas similares

por Pedro Strazza

Quem gosta de realizar remixes de músicas provavelmente já teve que encarar o problema básico de isolar faixas de áudio para conseguir mexer na canção do jeito que melhor preferir, uma questão que embora soe simples e conte com inúmeras resoluções pode ser bem chatinho de fazer de forma rápida. Uma nova inteligência artificial, porém, parece vir como a salvação ideal para se livrar deste empecilho rapidamente, com um foco especial naquilo que é mais complexo (e, pior, mais popular) de se isolar: a voz dos cantores.

Intitulado Spleeter, a IA é um software de código aberto que foi desenvolvido pelo Deezer meramente por motivos de pesquisa e tem como missão de vida separar automaticamente as músicas em quantas faixas de áudio forem necessárias. Como qualquer programa dotado da tecnologia de aprendizado os resultados nem sempre podem ser perfeitos, mas a velocidade é garantida pela companhia e quem testou afirma que em servidores apropriados ele pode chegar a dividir as faixas em 4 até 100 vezes mais rápido que similares.

Quer um exemplo? Alguns usuários já postaram no YouTube resultados bem impressionantes obtidos com o Spleeter, incluindo divisão de canções famosas como “Changes”, de David Bowie, e “Scatman (Ski-Ba-Bop-Ba-Dop-Bop)”, de Scatman John:

Ao The Verge, o chefe de pesquisa do Deezer Aurelien Herault afirma que a empresa de streaming obteve o resultado atual do Spleeter através de um treinamento com mais de vinte mil faixas de música, cujas inserções já vieram com a voz dos cantores previamente isoladas. “Internamente, nós estamos a usando como uma ferramenta de pré-processamento para tarefas complexas de pesquisa como categorização de músicas, transcrições e detecção de linguagem” comenta ainda o pesquisador.

Como bem comenta o tecnólogo Andy Baio em seu blog, o Spleeter soa como uma ferramenta ideal para aqueles que se interessam em produzir mash-ups, dado que o isolamento dado pela IA aos vocais dá um quê de autotune. O único problema, no momento, é que o programa exige alguma base de conhecimento do usuário, incluindo alguns programas de edição tradicionais como o Python ou o Tensor Flow do Google – o que por consequência deve limitar o acesso do software ao grande público.

Você pode baixar a inteligência artificial no GitHub.

Compartilhe: