Messenger fornece serviços gratuitos para organizações de saúde e realiza hackathon global

As duas medidas acontecem num momento em que as pessoas estão usando canais digitais para obter informações de autoridades de saúde confiáveis

por Soraia Alves

O Messenger apresentou duas iniciativas destinadas a apoiar organizações governamentais de saúde em todo o mundo durante a pandemia de coronavírus. A primeira é uma parceria com vários desenvolvedores para fornecer serviços gratuitos, permitindo que eles usem o aplicativo para dimensionar suas respostas, e a segunda é um hackathon online para incentivar desenvolvedores a criar soluções de mensagens relacionadas para a crise.

De acordo com o vice-presidente do Messenger, Stan Chudnovsky, as duas medidas acontecem num momento em que as pessoas estão usando canais digitais para obter informações de autoridades de saúde confiáveis.

Vários parceiros de desenvolvimento do Messenger fornecerão serviços gratuitos para organizações de saúde governamentais e agências de saúde das Nações Unidas para ajudá-los a usar o app para fornecer informações oportunas e precisas. Os exemplos incluem a criação de respostas automatizadas para lidar com perguntas frequentes.

Chudnovsky disse que o Ministério da Saúde e o Ministério da Inovação da Argentina já estão lançando uma experiência no Messenger nesta segunda-feira, 23/03, para responder a perguntas do público sobre o coronavírus e fornecer dicas rápidas, confiáveis ​​e oficiais 24 horas por dia. Outras organizações que já usam o Messenger dessa maneira incluem a UNICEF e o Ministério dos Serviços Nacionais de Saúde, Regulamentos e Coordenação (NHSRC).

O Messenger também está trabalhando em parceria com o provedor de hackathon Devpost, convidando desenvolvedores em todo o mundo a participarem de um hackathon online, com o objetivo de encontrar maneiras de aproveitar o Messenger para soluções que abordam questões relacionadas à Covid-19, como distanciamento social e compartilhamento de informações.

Chudnovsky disse que os participantes serão incentivados a criar soluções locais e globais e terão acesso exclusivo ao conteúdo relacionado ao Messenger, como os tutoriais do Facebook Live, com especialistas em produtos e outros materiais educacionais. Os vencedores receberão orientação dos engenheiros do Facebook para dar vida às suas soluções, bem como convites para participar da conferência global de desenvolvedores F8 2021.

Compartilhe: