Burger King revela que campanha zoando o Big Mac na verdade era com… o Big King

Ideia é vender que o Whopper é perfeito para uma fome imensa, enquanto o Big King foi feito para refeições "leves"

por Pedro Strazza

Na última terça (16), o Burger King lançou nas redes sociais um comercial que supostamente comparava em tom jocoso o seu sanduíche Whopper com o Big Mac, o principal lanche do concorrente McDonald’s. A campanha deu o que falar, claro, até porque a peça dava todos os indícios de que censurava o nome do adversário apenas porque não podia falar mal de forma escancarada em rede nacional.

Nesta quinta (18), porém, a marca e a agência DAVID enfim revelaram suas intenções com o vídeo e soltaram um segundo anúncio mostrando que a comparação na verdade era do Whopper com… o Big King, outro sanduíche comercializado pela rede. Na peça, o Burger King remove as tarjas do “tal de Big” da ação e mostra que o ponto do comercial é vender os dois itens de acordo com a fome do cliente – o Whopper sendo ideal para os mais sedentos, o Big King a quem precisa de um lanche mínimo pra ficar satisfeito. Confira acima na íntegra.

Além de declarar que a ação reforça a posição da marca como “dona das ações mais inusitadas”, a divulgação reforça que o objetivo era despertar a curiosidade (e engajamento) do público sobre os lanches da rede. “Pensamos em uma campanha bem-humorada e que pudesse despertar a curiosidade de novos consumidores, para que as pessoas vejam que esse sanduíche carrega diferenciais importantes, inclusive em relação às demais opções que temos em nosso cardápio” escreve a diretora de marketing do Burger King no Brasil, Thais Souza Nicolau.

Junto dos comerciais, a rede também promoveu desdobramentos da campanha no OOH, mídia impressa e com influenciadores digitais, que receberam um kit com uma balança para “pesar” os sanduíches e perceber a diferença de 47% no peso dos lanches.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link