sennheiserb9
Imagem: Reprodução/Sennheiser

Fabricante de equipamentos de áudio para saúde compra divisão de fones da Sennheiser

Pressão de competidores no mercado fez com que uma das mais tradicionais marcas do segmento vendesse seu negócio

por Matheus Fiore

A Sonova, uma empresa suíça especializada em equipamentos médicos para áudio, como aparelhos auditivos e implantes cocleares, está comprando a divisão de fones de ouvido da gigante Sennheiser. Com isso, produtos da Sennheiser como headphones e fones sem fio passarão a integrar o portfólio da Sonova.

Como o The Verge noticiou, a Sennheiser já estava procurando um comprador em fevereiro, em virtude da forte pressão competitiva que a empresa sofria. A decisão foi tomada apesar da empresa ter tido recordes de venda em 2019, pois ela continuou tendo déficit por ter que baixar seu valores a fim de manter-se competitiva diante dos preços praticados por seus concorrentes globais. A empresa chegou a cortar 650 empregos e disse que não descartaria nenhuma negociação que pudesse salvar o negócio.

Os co-CEOs da Sennheiser, Andreas e Daniel Sennheiser, comentaram a notícia em uma declaração conjunta: “Nós não poderíamos ter escolhido um parceiro melhor. Um parceiro que não só compartilha nossa paixão por áudio e o comprometimento de prover produtos com a maior qualidade possível, como também uma corporação com valores semelhantes”, afirmaram. “Essa venda é uma excelente fundação para um futuro de sucesso juntos”, disseram.

A Sonova promete continuar a vender os produtos da Sennheiser como os consumidores já estavam habituados. A ideia é combinar a expertise de ambos os negócios para otimizar os processos. “A grande reputação da Sennheiser, bem como sua ótima qualidade de áudio, nos ajudará a expandir nossa oferta e criar importantes marcos para os consumidores em suas jornadas auditivas”, afirmou Arnd Kaldowski, CEO da Sonova.

O negócio deve ser fechado no segundo semestre de 2021, quando as autoridades aprovarem a compra. Os valores giram em torno de US$ 240 milhões, e a Sennheiser gera um lucro anual de US$ 300 milhões.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link