Uber Eats anuncia fim da modalidade de delivery de restaurantes no Brasil a partir de 8 de março
Imagem: Divulgação

Uber Eats anuncia fim da modalidade de delivery de restaurantes no Brasil a partir de 8 de março

Decisão acontece um dia depois do governo federal tornar obrigatório a contratação de seguro para entregadores

por Pedro Strazza

O Uber anunciou nesta quinta-feira (6) que vai deixar de realizar entregas de restaurantes pelo Uber Eats no Brasil. Previsto para acontecer no próximo dia 8 de março, a desativação já começou pela inviabilização de pagamentos em dinheiro no aplicativo. A entrega de itens de conveniência e mercado permanece, em parceria com a Cornershop.

Enquanto em nota oficial aos usuários a companhia escreve que tomou a decisão para reforçar a ligação com a startup chilena, ela também acontece um dia depois do presidente Jair Bolsonaro sancionar lei que obriga empresas do segmento de aplicativos a contratar seguro para acidentes aos entregadores, como bem nota o Uol.

O projeto não é citado em nenhum ponto do comunicado do Uber, porém, que se basta em escrever que “Nosso principal objetivo daqui para frente será oferecer acesso à seleção de supermercados, lojas especializadas, pet shops, floriculturas, lojas de bebidas e outros artigos no aplicativo”.

De hoje até a data de março, a plataforma só irá aceitar transações por PIX ou cartão de crédito e débito para pedidos de delivery.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link