Para jurada do "Ideias à venda", quem for escolhido para participar do programa já é um vencedor
Imagem: Vans Bumbeers/Netflix

Para jurada do “Ideias à venda”, quem for escolhido para participar do programa já é um vencedor

Luana Génot fala sobre sua participação e jornada no mercado em novo reality show de empreendedorismo da Netflix

por Carolina Firmino

O reality “Ideias à venda” é um formato 100% brasileiro e original, e chega à Netflix só a partir do dia 9 de fevereiro, mas o esquenta para a estreia já começou. Sob o comando da apresentadora e também empresária Eliana, os participantes precisam conquistar o público e os jurados em busca do grande prêmio de 200 mil reais para investir em seus projetos.

Para auxiliar os competidores a testar seus modelos de negócio, a bancada de jurados é composta pela empresária, jornalista e ativista pela igualdade racial, Luana Génot, em cadeira fixa, além de outras empreendedores que usarão de um olhar especializado em suas áreas de atuação para avaliar os produtos apresentados no palco.

Os nomes desta temporada são Camila Coutinho, Luisa Mell, Leo Picon, Mariana Rios, Enzo Celulari e Carole Crema. “Esse contato com pessoas de diferentes áreas foi incrível! Elas trouxeram questões específicas a partir do tema central do episódio, foi uma complementação. Enquanto eu tinha um papel mais holístico, o jurado convidado se aprofundava de outra forma”, explica Luana.

Luana Génot é empresária, publicitária – com especialização em raça, etnia e mídia pela Universidade de Wisconsin  – e e ativista pela igualdade racial. Além de estar à frente do programa Sexta Black, na GNT, ela é fundadora do Instituto Identidades do Brasil, que desenvolve campanha de licenciamento do selo “Sim à Igualdade Racial”, cujo objetivo é buscar empresas que desenvolvam ações nesse campo e estimulem a diversidade étnico-racial no mundo corporativo.

Tanto a formação acadêmica quanto a experiência de Luana no mercado ajudaram para que ela atribuísse um olhar de mais representatividade às avaliações. “Ter criado o ID_BR do zero e possuir uma bagagem técnica de várias cadeias de empreendedorismo me ofereceu essa visão mais ampla. Todas as perguntas que eu já recebi me ajudaram na análise do negócio”, diz.

O “Ideias à venda” está dividido em seis episódios, sendo que, em cada um deles, quatro empreendedores do mesmo setor terão que mostrar que o investimento vale a pena. Apenas os dois melhores chegam à última fase, com um valor inicial já garantido no bolso, e a decisão final fica nas mãos das 100 pessoas da plateia.

Luana afirma que essa escolha é circunstancial: “Vai ser determinada pela performance do empreendedor naquele momento, se está nervoso, se respondeu bem às perguntas. Por isso, a mensagem que a gente passa para todos é de não desistir. Quem chegou ao ‘Ideias à venda’ já é um vencedor”.

Em conversa com o B9, a jurada reforça o alto nível das ideias que serão apresentados no game show e a expectativa de que o reality seja um sucesso, a fim de manter as portas abertas para uma nova temporada.

“Estou recebendo várias mensagens com modelos de negócios e perguntas sobre como participar. O diferencial é que conseguimos atingir projetos ainda em nível de protótipo, sem algo tão maduro que só precise de investimento. Tenho certeza que vai causar um desejo nas pessoas de participar!”, conclui Luana.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link