Apple Vision Pro e a Computação Espacial: o assunto extraoficial do SXSW 2024 • B9

Apple Vision Pro e a Computação Espacial: o assunto extraoficial do SXSW 2024

Essa tecnologia representa o próximo grande salto na evolução da interação humano-computador

por Gabriel Borges / Co-founder e CSO da Ampfy
Capa - Apple Vision Pro e a Computação Espacial: o assunto extraoficial do SXSW 2024
Imagem: Painel XR na era do Vision Pro / Imagem: Gabriel Borges

Entre a imensa programação de mais de 1,5 mil palestras, painéis e workshops no SXSW 2024, é curioso observar que menos de dez sessões foram especificamente dedicadas ao Apple Vision Pro ou à computação espacial.

À primeira vista, isso pode levar alguns a questionar a relevância desse tema enquanto uma tendência futura, especialmente em um evento reconhecido por ser um norte das inovações que definirão o nosso amanhã.

Contudo, essa percepção merece um aprofundamento. O lançamento do Apple Vision Pro ocorreu pouco mais de um mês antes do evento, um ponto no calendário onde a maioria da programação do SXSW já estava meticulosamente planejada.

Embora as referências específicas ao dispositivo ou ao conceito de computação espacial possam parecer escassas na programação oficial, muitos palestrantes exploraram essas tecnologias em suas apresentações, destacando seu potencial revolucionário. Inclusive, tivemos o reconhecimento do Apple Vision Pro como uma das dez inovações mais significativas do ano pelo MIT Technology Review.

Pessoalmente, vejo a conversa em torno da computação espacial como fascinante. Este tema, mais do que um produto específico, aponta para uma transformação mais ampla na forma como interagimos com computadores, prometendo redefinir nossa experiência no mundo físico e virtual.

A computação espacial representa o próximo grande salto na evolução da interação humano-computador. Distanciando-se das limitações da computação pessoal e móvel, ela promete uma era onde a tecnologia não apenas coexiste com o mundo físico, mas também o compreende, interage e o enriquece de maneiras até então inimagináveis.

Cathy Hackl, co-CEO da Spatial Dynamics, em seu painel “A Era da Computação Espacial e dos Dispositivos Wearables com IA chegou”, nos mostrou que no coração da computação espacial estão quatro pilares: hardware, software, dados e conectividade. Esta tecnologia utiliza dispositivos avançados, como óculos inteligentes e wearables, equipados com sensores e câmeras para ver e entender o ambiente ao redor.

O software, então, interpreta esses dados, possibilitando interações tridimensionais e imersivas. A coleta e análise de vastas quantidades de dados são cruciais para personalizar a experiência do usuário, enquanto uma conectividade robusta garante a fluidez dessas interações em tempo real.

As aplicações da computação espacial são muito promissoras. Na educação, por exemplo, ela pode transformar salas de aula em ambientes imersivos, onde conceitos históricos ou científicos são visualizados e explorados em três dimensões. No setor de saúde, facilita procedimentos médicos complexos através de visualizações precisas do corpo humano, melhorando diagnósticos e tratamentos.

A indústria do entretenimento também se beneficiará enormemente, com experiências de mídia imersivas e jogos que ultrapassam as barreiras entre o digital e o físico. No varejo, a tecnologia pode oferecer experiências de compra personalizadas, com recomendações de produtos visualizados em tempo real no ambiente ao redor do consumidor.

Enquanto nos encaminhamos para esse futuro, é importante considerar os desafios éticos e práticos que ela traz. O painel “XR para a Era do Vision Pro” foi um pouco mais crítico ao hardware e levantaram a atenção para questões de privacidade e segurança dos dados, que se tornam ainda mais pertinentes quando dispositivos são capazes de capturar e interpretar detalhes íntimos do nosso ambiente.

O futuro da computação espacial, embora repleto de potencial, dependerá de como navegamos por esses desafios. À medida que a tecnologia se desenvolve, ela tem o potencial de redefinir nosso relacionamento com o mundo digital, tornando-o mais integrado, intuitivo e, em última análise, humano. Arrisco dizer que esses serão um dos principais assuntos oficiais da programação do SXSW 2025. E quem sabe não terão uma trilha só para eles.



➜ Acompanhe a cobertura B9, apresentada por Globo, do SXSW 2024 no canal b9.com.br/sxsw e no nosso Instagram.
LEIA MAIS SOBRE:
todo tipo
de conversa
para quem quer
sair do raso
Photo by Prince Akachi on Unsplash

transforme sua marca em conversa
conte com o b9

20 anos de pioneirismo digital

Aqui no B9, a gente adora uma conversa. Mais do que uma paixão, elas viraram o nosso negócio. O B9 já produziu milhares de episódios, canais temáticos, eventos, palestras e campanhas que contam histórias, expandem horizontes e criam conexões autênticas com a audiência. Buscando diferentes pontos de vista e com ideias que nos tiram do raso. Através de oportunidades de mídia, conteúdos originais em podcast e projetos multiplataformas, o B9 também coloca marcas e empresas nessas rodas de conversa. Pra conhecer nossos cases e tudo o que o B9 pode fazer pela sua marca acesse o site:

negocios.b9.com.br
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
  • Logo de parceiro
icone de linkCopiar link