Uma boa “reflexão” sobre o assédio em espaços públicos

Filme indiano que chama atenção para o problema de forma simples e inteligente tem mais de 2 milhões de views em apenas duas semanas

por Amanda de Almeida

Em 2013, a gente mostrou aqui pelo B9 algumas campanhas bem interessantes, focadas no assédio contra a mulher em espaços públicos – que em alguns casos podem, inclusive, evoluir para a violência escancarada. Em meados de dezembro, a Whistling Woods International chamou atenção para o problema, mais uma vez, com o filme Dekh Le, com criação e produção da da Postman Piktures, de Bombaim.

A ideia era relembrar o primeiro aniversário do crime cometido contra Nirbhaya, estudante estuprada e morta por cinco homens em um ônibus na Índia e lembrar que todos devem “pensar, refletir e agir”.

Dekh Le é um daqueles filmes simples, mas que conquistam a nossa atenção pelos detalhes, provocando e depois quebrando nossos pré-conceitos. Isso acontece, por exemplo, quando as primeiras mulheres que aparecem sendo assediadas estão com roupas mais curtas ou decotadas – para, em seguida, vermos uma mulher toda coberta também enfrentando o problema.

A maneira encontrada para que os homens pudessem também “refletir” sobre o assunto é genial, pois muitos deles fazem isso de maneira inconsciente e não percebem como são vistos pelas mulheres. E o resultado incomoda, é claro.

Em duas semanas, o filme ultrapassou os 2 milhões de views no YouTube. Vale o play e a reflexão.

reflexo

Compartilhe: