fbpx
facebook-capa

Facebook altera algoritmo da timeline depois de pesquisa com usuários

Quem visitar o Facebook por mais tempo vai ter mais informações para navegar

por Jacqueline Lafloufa

As definições do que aparece no seu feed de notícias do Facebook foram atualizadas novamente. Nesta terça-feira, a equipe da rede social explicou em um post na sua sala de imprensa que aos poucos o que aparece na sua timeline vai agora equilibrar melhor as atualizações de status e fotos dos seus amigos e conteúdos vindos de páginas que você curtiu.

A decisão ocorre depois de uma pesquisa com alguns dos usuários do Facebook sobre o que eles achavam que poderia melhorar na exibição de posts na página principal da rede social. Segundo Max Eulenstein, gerente de produto, e Lauren Scissors, pesquisadora de experiência do usuário, anteriormente o algoritmo se esmerava em não mostrar atualizações de uma mesma pessoa ou página de forma sequencial, para não entediar o usuário. Agora, essa regra está sendo suavizada, e mais conteúdo será mostrado para quem quer passar mais tempo navegando pelo feed de notícias.

O Facebook também vai ganhar, nos próximos dias, um maior número de atualizações dos seus amigos, que serão melhor balanceados com postagens de páginas que você decidiu acompanhar.

Já aquelas postagens nas quais seus amigos interagiram, seja comentando ou curtindo, vão aparecer menos no seu News Feed, pois grande parte dos entrevistados pelo Facebook alegou que esses conteúdos não são tão relevantes para eles – ou seja, postagens do tipo “fulano comentou nesse post” vão aparecer com menos frequência.

svm_bff_edgestory

Isso, é claro, deve chacoalhar novamente o alcance das páginas que produzem e distribuem conteúdo no Facebook. “As alterações devem variar consideravelmente, dependendo do topo de audiência da sua página. Em alguns casos, o alcance pode cair”, explica a equipe do Facebook. A sugestão segue a mesma que já ouvimos anteriormente: postar assuntos que a sua audiência julgue relevante e seguir as melhores práticas ditadas pela rede social.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link