CEO da Toyota Nova Zelândia se desculpa e retira filme que mostrava animais pedindo para morrer

Pressão de internautas foi o motivo da decisão.

por Fabio Chaves
A campanha foi retirada da TV, do Youtube e até do portfólio da Saatchi & Saatchi.

compartilhe

Para lançar o modelo 2016 da picape Hilux na Nova Zelândia, a agência Saatchi & Saatchi produziu um comercial que mostrava animais literalmente pedindo para morrer para que pudessem ser carregados no veículo.

A campanha, obviamente, despertou a ira de protetores dos animais, de veganos e de qualquer pessoa com um pouco de bom senso sobre esse assunto – entenda o caso.

Na manhã deste domingo (horário de Brasília), a Toyota voltou atrás sobre a campanha. Em uma decisão descrita por ele como difícil, o CEO da Toyota Nova Zelândia, Alistair Davis, publicou uma nota explicando por que retirou o filme de lançamento da nova Hilux do ar – veja aqui.

“Nos desculpamos incondicionalmente por qualquer ofensa que tenhamos causado. Nós ouvimos e vamos parar a exibição do anúncio.” – disse Davis.

Ainda por meio da nota, o presidente da montadora japonesa na Nova Zelândia diz que a campanha foi recebida pelo público de forma completamente diferente àquela que eles esperavam. A intenção, segundo Davis, foi mostrar animais em uma situação “engraçada”.

A maioria absoluta dos telespectadores, contudo, não achou o filme publicitário engraçado. Ao contrário, ele foi tido como muito ofensivo e bateria recorde de “não gostei” no Youtube se não tivesse sido retirado do ar. A campanha foi retirada da TV, do Youtube e até do portfólio da Saatchi & Saatchi.

Na página oficial no Facebook da Toyota Nova Zelândia, alguns internautas pediram para que a marca pense em um filme que enalteça os direitos dos animais, ao invés de colocá-los em situações humilhantes – veja aqui. Deixe sua opinião por lá também.

De fato, a picape Hilux sendo usada para resgatar animais em lugares difíceis, por exemplo, seria uma boa volta por cima e uma campanha que certamente engajaria potenciais consumidores de forma positiva.


Fabio Chaves é fundador e infoativista do Vista-se – maior portal vegano do Brasil e segundo mais acessado do mundo – e colunista do portal de notícias da Rede Record, o R7. Escreve também para o B9.

Compartilhe: