logo-mamilo-livre

Campanha Mamilo Livre consegue driblar regras do Facebook usando mosaico

Foto dividida em quatro imagens não é detectada pela rede social

por Rafael Silva

As regras do Facebook que não permitem a publicação de nudez são alvos de críticas há tempos. Elas deixam mamilos masculinos aparecerem mas não permitem mamilos femininos. E as mesmas regras são aplicadas no Instagram. O movimento “Mamilo Livre”, no entanto, conseguiu driblar essas regras de uma maneira engenhosa: usando um mosaico.

Ao quebrar a foto de um mamilo em quatro imagens diferentes, o sistema usado pelo Facebook para identificar nudez não consegue processar a imagem completa e a deixa no ar – isso é, até que os usuários denunciem. Na timeline dos usuários que seguem as pessoas que publicaram a foto, ela é exibida por completo. Veja abaixo como ela deve ficar.

mamilo-livre-thumb

Quem quiser participar do movimento – por enquanto, só quem se identifica como mulher no Facebook – pode entrar no site Mamilo Livre e criar seu mosaico. O site também oferece um guia para denunciar aqueles que passarem da linha com comentários ofensivos.

A ideia partiu da revista AzMina, um jornal digital feminista independente, educativo e gratuito para mulheres. A criação foi da JWT.

Compartilhe: