Aplicativo do Spotify agora credita compositores e produtores das músicas

Aplicativo do Spotify agora credita compositores e produtores das músicas

Dados já eram exibidos no aplicativo para desktop, mas agora estão disponíveis para o iOS; meta é facilitar para criadores a edição dos créditos das faixas

por Matheus Fiore

O Spotify já havia adicionado em fevereiro deste ano os créditos de composição e produção às músicas em seu aplicativo para desktop. A medida, além de valorizar mais o trabalho dos artistas ao sinalizar quem está por trás das canções além de quem as executa, também oferece maior gama de informações para os ouvintes.

Agora, porém, os créditos chegaram também à versão do aplicativo para iOS. Para visualizar, é necessário apenas clicar no botão de “opções”. Na versão do computador, quando clicamos em “créditos”, surge uma janela com o título da música e uma curta ficha, dizendo quem a interpreta, quem a compôs e quem a produziu, além do selo responsável pela distribuição.

Alfons Karabuda, presidente da European Composer & Songwriter Alliance, afirmou que o Spotify planeja permitir que editores, sociedades e músicos possam corrigir detalhes ou acrescentar novidades, caso seja necessário. Isso seria útil, por exemplo, caso um artista perdesse um processo por plágio e fosse obrigado, pela justiça, a acrescentar os créditos de composição a outra pessoa – como foi o caso de Sam Smith, que plagiou “Stay With Me” de Tom Petty.

Com mais de 35 milhões de músicas em sua biblioteca, há muitas canções no Spotify a ter seus créditos inseridos. É provável, portanto, que leve algum tempo até que todo o catálogo do serviço esteja completamente atualizado.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link