Tecnologia de impressão 4D pode criar objetos que ‘se montam’ sozinhos

Feitas de um material inteligente, as peças conseguem mudar seus formatos quando submersas

9.maio.2014

Enquanto a gente ainda se surpreende com a impressão 3D, um pesquisador do MIT já está fazendo testes com uma tecnologia que adiciona mais um D a essa história. Usando uma impressora 3D tradicional, mas com um material inteligente, a intenção é criar objetos que possam se montar sozinhos (!).

Os primeiros testes dessa tecnologia 4D mostram a memória do material, que pode ser deformado e voltar ao seu formato original quando submerso em água fervente.

Outros experimentos mostram polígonos que se montam independentemente de interação, a partir de projetos planos, impressos em 3D.

O bacana é que o conceito, criado pelo pesquisador Skylar Tibbits, do departamento de arquitetura do MIT, vai permitir usar a impressão 3D para criar objetos que não poderiam ser construídos com tanta facilidade por essas impressoras.

A longo prazo, a  tecnologia 4D poderia ser utilizada para criar estruturas arquitetônicas que se adaptam às condições do local – pense em tubulações que se expandem ou contraem dependendo do volume de água – ou até mesmo utilizadas na medicina, em implantes que se adaptariam ao corpo do paciente assim que chegassem ao local certo.

Estou ansiosamente aguardando esse futuro onde as coisas se montem sozinhas, e a gente fique só observando enquanto toma um chá e espera tudo ficar pronto.

Comente

  • Miojo

    Vai ser legal quando implementarem essa tecnologia no meu macarrão instantâneo.