marcas-gay-pride

Marcas brasileiras reagem à aprovação do casamento gay nos EUA

Espalhando o amor no formato de arco-íris em redes sociais

26.jun.2015

Não foram só as empresas americanas ligadas à internet que comemoraram a decisão histórica da Suprema Corte dos EUA. Aqui no Brasil algumas marcas aproveitaram a onda e publicaram nos seus perfis do Facebook e Twitter posts apoiando a mudança. Algumas aproveitaram a oportunidade para contextualizar o post no universo da marca e outras preferiram usar o bom humor.

O amor vence. #LoveWins #OSuorFazMágica

Posted by Gatorade Brasil on Friday, June 26, 2015

O amor está na moda! <3 #LoveWins

Posted by Cuecas Duomo on Friday, June 26, 2015

Respeito e orgulho. <3 #LoveWins

Posted by Chupa Chups on Friday, June 26, 2015

Diversidade = respeito. Pra gente, isso faz parte da rotina! http://invent.ge/1QUj9QI#LoveWins #Diversidade

Posted by GE on Friday, June 26, 2015

Parabéns aos EUA, pela conquista!goo.gl/9bqXBX

Posted by Cemitério Jardim da Ressurreiçao on Friday, June 26, 2015

Outras marcas, e até mesmo órgãos públicos brasileiros, decidiram apenas mudar o avatar do perfil para mostrar o apoio da decisão.

Além delas, outras páginas que também quiseram marcar presença no apoio à decisão foram a da Revista Superinteressante, ESPN, Ministério da Cultura, Palácio do Planalto, Metrô de São Paulo e Outback Brasil, Livraria Cultura e Saraiva, dentre diversas outras.

Comente

  • Bruno Ornelas Guerra

    #lovewins

  • André Henrique

    Pois é, sempre tem as marcas que perdem a mão, mas com o contexto dos acontecimentos das últimas semanas esse é o último trem pro século XXI, quem não pegar sabe-se lá quando vai passar o próximo ¯_(ツ)_/¯

  • Rafael
  • Veck Rock
  • Tá muito lindooooooo!!!!

  • Cristiane Oliveira

    jogo de dinheiro gay pobre vibrando aqui não muda nada

  • Wilson Santos

    SEMPRE É Melhor Ser Natural

    “Vocês não leram que, no princípio, o Criador os fez homem e mulher e disse: ‘Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois se tornarão uma só carne’? Assim, eles já não são dois, mas sim uma só carne.
    Yeshua Ha Mashiach, Jesus, o Cristo
    Mateus 19:4-6

    Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos
    e trocaram a glória do Deus imortal por imagens feitas segundo a semelhança do homem mortal, bem como de pássaros, quadrúpedes e répteis.
    Por isso Deus os entregou à impureza sexual, segundo os desejos pecaminosos dos seus corações, para a degradação dos seus corpos entre si.
    Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amém.
    Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza.
    Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão.
    Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus, ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem o que não deviam.
    Romanos 1:22-28

    ‪#‎IdeologiadoGêneroFraude‬
    ‪#‎ArtificialidadeMentiraFail‬

    • Lucas Matias

      Interessante essa mitologia cristã e seus preconceitos… #lovewins

    • Maria

      O amor é natural <3 #lovewins #oamorvence

    • Eduardo Chelles Calian

      Ai, que sono….

  • Eu achei meio forçada essa reação das marcas aqui no Brasil. Na época da polêmica dO Boticário e cia, pareceu mais natural, agora parece que só estão seguindo a onda, fazendo algo que parece corajoso, mas que já se tornou um porto seguro.

    No Brasil já houve uma decisão judicial no molde da que ocorreu nos EUA agora, só que dois anos atrás. Alguém lembra como essas empresas reagiram na época?

  • Thiago cruz

    Oq não fazem por MKT ne

  • Bernardo Tavares
  • Heider Leão

    Boicote is coming!

  • Miguel Coury

    Essa do cemitério é puro mau gosto e estereótipo! Coisa típica de quem quer seguir a onda sem saber com quem está falando…valeu a intenção pelo menos.