pb-capa-snapcht

Playboy publica primeira capa sem nudez e inspirada no Snapchat

4.fev.2016

A Playboy chocou o mundo no ano passado ao anunciar que iria se reinventar por completo e este ano lançaria sua primeira capa sem nudez. Esse dia chegou e aí acima você confere a primeira capa da versão americana da revista – que também é bem inovadora, se inspirando na interface do Snapchat.

Na capa, a modelo é Sarah McDaniel, que não foi escolhida por acaso – ela tem heterocromia ocular, ou seja, olhos de cores diferentes um do outro, que dão uma “visão única, que faz com que ela se destaque” de acordo com a revista. Além disso, antes das fotos para o ensaio, Sarah teve que se tornar expert em usar o Snapchat, algo que permitiu que ela apresentasse “uma experiência mais íntima para o leitor”.

Aqui no Brasil, a revista está chegando no fim do seu hiato. Depois de parar de circular no final do ano passado, os direitos de publicação da Playboy foram comprados pela PBB Entertainment que prometeu trazer a revista de volta para as bancas no mês que vem – mas não sabemos ainda se por aqui eles vão seguir os mesmos passos da nave-mãe e publicar uma revista sem nudes.

Comente

  • Habner Willer

    Acho que a Playboy foi para um caminho bem errado =(

    • Fernando Machado

      E qual seria o caminho certo?

    • Edmundo Weber

      Eu curti.

      • Podegoso Shumy

        eu também, dá pra “trabalhar legal” só com essa foto de capa

    • eduardobm

      A revista perdeu bastante em vendas nos últimos anos, e eles notaram que muita gente gosta mesmo da revista pelos artigos. Tirando a nudez eles baixam (ou tiram?) a restrição de idade e aumentam o público. É o jeito de se manter num mercado onde qualquer um vê nudez onde e quando quiser.

    • Lionel Seku Mello

      A questão é: existe só UM caminho?

    • Dilma Rousseff

      Nudez voce de encontra aos montes na internet. Não acho que estão indo para um caminho errado. Achei bem interessante essa reformulação toda

    • Podegoso Shumy

      agradeça a “nudes gratis” pela internet onde qualquer pode ver quando quiser

    • Matheus

      Pelo que eu entendi é a capa apenas sem nudez, não a revista toda.

      • Feco Porto

        É o contrário, Matheus. O B9 errou na manchete. Muitas capas já foram feitas sem nudez. Na verdade a revista mudou mesmo sua direção e nenhuma revista mais virá com nudez (apenas a Playboy americana, no caso).

  • Dio

    NÃOOOOOOOOOOOOO

  • Eu gostei!

  • Patrícia

    E a conversinha que a PBB soltou no comunicado?
    “Não vamos pagar cachês porque o corpo da mulher não tem preço”

    O corpo realmente não tem preço, mas o trabalho de participar de uma sessão fotográfica e a cessão de direito de imagem têm, né. “Valoriza e dá voz a mulher” querendo o trabalho das modelos gratuitamente.

  • Bruce Sanyo

    Playboy sempre foi uma bosta, muiyos anuncios e pouco conteúdo.

  • Viviano13

    Eu acho que a 1a capa ser “parecida” com o Snapchat é uma crítica.
    Meio que: “Se quiser nudes vá pra internet.”