Clicky

estadao-7minutos

Estadão expõe agressões contra mulheres tweetando 1 denúncia a cada 7 minutos

Triste estatística reflete a média de denúncias de agressão recebidas em 2015

8.mar.2016

O Estadão começou na meia-noite de hoje uma campanha para alertar às agressões físicas que mulheres sofrem todo dia no Brasil. No seu perfil do Twitter, o jornal vai publicar durante todo o dia uma denúncia a cada sete minutos. Esse intervalo de publicação foi escolhido porque é média da quantidade de denúncias que a Central de Atendimento à Mulher, no telefone 180, recebeu durante os 10 primeiros meses de 2015.



A criação é da agência FCB Brasil, que angariou relatos de agressão de denúncias reais recebidos pelo telefone 180 para a ação. Joanna Monteiro, CCO da agência, comenta que “O Estadão possui o posicionamento de promover debates agora para melhorar o futuro” e que “a ação vai ajudar a mobilizar as pessoas na direção desse tema extremamente relevante”.

Todos os tweets publicados pelo perfil contam com o número da denúncia, a hashtag #7minutos1denuncia e apontam para esse artigo do jornal, onde essa triste estatística é revelada. Até o final do dia terão sido publicadas 205 denúncias no perfil do jornal.

Comente