Um terço das vendas do dia de Ação de Graças nos Estados Unidos foram feitas através de celulares

Mercado estadunidense movimentou cerca de 3,7 bilhões de dólares durante o feriado, sendo que 54,4% do tráfego nos sites de venda se deu pela telinha do smartphone

por Pedro Strazza

Aos poucos vamos nos encaminhando para o fim de mais uma Black Friday, e depois de muitas (muitas!) compras alguns dados interessantes começam a pipocar nas redes sobre esta época que abre a temporada de festas de fim de ano para o mercado. O primeiro e mais surpreendente de todos veio dos Estados Unidos, nação que jogou diferente no evento que ocorre antes do evento: este ano, a terra do tio Sam não só movimentou cerca de 3,7 bilhões de dólares durante o feriado de Ação de Graças, mas viu cerca de 1/3 das suas compras serem feitas via celular.

As informações vem das estações de monitoramento da Adobe, que atestaram que o “mundo mobile” foi palco para 54,4% do tráfego em sites de venda e 36,7% de todas as vendas no e-commerce. A empresa também afirma que o dia de Ação de Graças foi o primeiro dia de 2018 em que as vendas completadas por celular atingiram a marca de um bilhão de dólares no país – o que não deixa de ser uma grande novidade, dado que este tipo de acontecimento geralmente acontece na Cyber Monday, a “Black Friday online” que acontece na segunda-feira após o dia.

A Adobe também afirma que este ano foi ótimo para o mercado, dado que as vendas da Black Friday aumentaram quase 28% ao chegarem aos já citados 3,7 bilhões. É praticamente 800 milhões a mais em relação ao ano passado, que alcançou 2,9 bi durante as transações do dia.

“O celular roubou o show do dia de Ação de Graças este ano, com os smartphones representando mais de 50% do tráfego das vendas” afirma o diretor da Adobe Digital Insights Taylor Schreiner, que ainda acrescenta que este fenômeno é consequência de um longo processo que vem se verificando ao longo de 2018 no mercado estadunidense: “As ofertas pré-Ação de Graças parecem ter incentivado os consumidores a gastar um pouco mais cedo, conforme nós vimos nosso segundo dia de 2 bilhões de dólares da temporada de festas”.

De acordo com o monitoramento, os principais produtos vendidos no feriado do peru foram o Nintendo Switch, os Fingerlings Hugs, o Little Live Pets, os laptops da HP e alguns modelos de Chromecast e de drones. Entre os games, o maior destaque ficou para o “Black Ops 4” da franquia “Call of Duty”.

Compartilhe: