Morre Stephen Hillenburg, o criador de “Bob Esponja”

Animador faleceu após longa batalha contra a esclerose lateral amiotrófica, do qual foi diagnosticado em março deste ano

por Pedro Strazza

Morreu na última segunda-feira (26) Stephen Hillenburg, animador que entre outras coisas ficou conhecido por ser o criador da animação “Bob Esponja”, produção que se tornou um dos maiores sucessos do canal Nickelodeon das últimas duas décadas. Falecido aos 57 anos, Hillenburg havia sido diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica no último mês de março.

Em um comunicado oficial, a Nickelodeon lamentou a morte do animador. “Nós estamos muito tristes com a notícia de que Steve Hillenburg foi desta para a melhor após uma batalha contra a ALS. Ele era um amigo muito querido e um parceiro criativo de longa data para todos da Nickelodeon; nossos sentimentos vão para toda a sua família.” afirma a declaração oficial da empresa; “Steve imbuiu ‘Bob Esponja’ com um senso único de humor e inocência que proporcionou alegria a gerações de crianças e família em todo lugar. Seus personagens unicamente originais e o mundo da Fenda do Bíquini vão durar por muito tempo como um lembrete dos valores do otimismo, amizade e o poder ilimitado da imaginação”.

O canal também soltou uma versão reduzida do comunicado no tweet abaixo:

Nascido em 1961 e formado em 1984 no curso de Planejamento de Recursos Naturais da Universidade Estadual de Humboldt, Hillenburg começou sua carreira na animação em 1987 ao passar por um período de estudos no Instituto de Artes da Califórnia, onde conseguiu um mestrado em belas-artes em 1992.

Depois de trabalhar entre os anos de 1993 e 1996 no desenho “A Vida Moderna de Rocko”, ele lançaria no dia 1° de maio de 1999 sua maior criação, a animação “Bob Esponja” onde atuou como roteirista, diretor e produtor. Com 250 episódios lançados em toda a sua duração, a produção conquistou todo tipo de prêmio, incluindo o Annie, o ASACP Awards e os Emmys britânicos e norte-americano, e foi traduzido para mais de 60 línguas. Além da série animada, Hillenburg também escreveu, produziu e dirigiu o primeiro filme baseado em sua criação, o “Bob Esponja: O Filme” que se tornou um grande sucesso de público em seu lançamento no ano de 2004.

Hillensburg deixa para trás sua esposa Karen, com o qual nutriu um casamento de 20 anos, seu filho Clay, sua mãe Nancy e o irmão Brian Kelly.

Compartilhe: