Aplicativo da Netflix no AirPlay para de funcionar, duas semanas depois do anúncio do streaming da Apple

Empresa alega que produto da Apple inviabiliza a manutenção da experiência ao não distinguir os seus produtos de rivais, mas medida sugere que intenção foi mesmo movida pelo mercado

por Pedro Strazza

Já fazem duas semanas desde que a Apple enfim confirmou para o mundo o lançamento de seu “serviço de streaming” na forma do Apple TV+, e desde o anúncio a recepção ao novo concorrente pelo mercado tem sido no geral fria e indiferente – até porque o novo canal só chega em meados do segundo semestre. Isso não quer dizer que os rivais estejam olhando o Apple TV+ com desdém, porém; se depender da Netflix, a guerra do streaming já começou – e muito.

Isso porque a empresa sem aviso ou satisfação maior encerrou as atividades do seu aplicativo no AirPlay neste último fim de semana, praticamente matando de primeira a forma mais fácil de clientes da Apple de usar o seu serviço em qualquer um dos produtos da marca. Ao The Verge, a Netflix alega que cancelou o acesso da ferramenta à sua plataforma devido ao que classifica como “limitações técnicas”, oriundas da forma como o AirPlay junta serviços de streaming e canais de televisão distintos sem os identificá-los de maneira apropriada em sua interface, especialmente agora que o serviço está sendo compartilhado para TVs de outras fabricantes.

“Nós queremos ter certeza que nossos membros tenham uma ótima experiência com a Netflix em qualquer aparelho que usem. Com o suporte do AirPlay saindo para aparelhos de terceiros, não há como nós distinguirmos entre devices (o que é Apple TV vs. o que não é) ou certificar a qualidade destas experiências.” escreve a Netflix ao site, ao qual também declara que seus assinantes “poderão continuar a acessar suas contas nos aplicativos inseridos na Apple TV e outros aparelhos”.

A alegação para o cancelamento do serviço tem lá seu embasamento, mas no fundo soa mais como uma consequência natural da nova rivalidade entre as duas marcas no mercado que um problema da tecnologia do AirPlay. A Netflix, afinal, recentemente confirmou que não fará parte do serviço de assinatura do Apple TV+ e se manteria como competidor no cenário, uma decisão que só motivaria o streaming a abandonar o catálogo do AirPlay no momento que o serviço está se expandindo para os produtos de outras fabricantes ao invés de tentar solucionar a questão.

Não que isso vá prejudicar seriamente o acesso de usuários à Netflix. Enquanto a maioria das SmarTVs hoje contam com aplicativos da empresa pré-embutidos, usuários da Apple ainda poderão acessar suas contas na rival à partir do app em seus iPhones e iPads por meio do Chromecast ou conectando seu aparelho da marca à TV por meio de um cabo HDMI.

Compartilhe: