Arnold Schwarzenegger e Serena Williams vão produzir séries para o Snapchat

Kevin Hart e influenciadores digitais também firmaram acordo para lançar conteúdo original pela rede social

por Matheus Fiore

Desde que o Instagram lançou seu modo Stories, o Snapchat foi duramente abalado e perdeu bastante competitividade no mercado. Vale lembrar, o “plágio” só ocorreu após o Facebook (que é dono do Instagram e também do WhatsApp) tentar sem sucesso adquirir o Snapchat. Agora, porém, a empresa por trás do aplicativo de vídeos e imagens está prestes a contra-atacar lançando séries originais protagonizadas por celebridades como Arnold Schwarzenegger e Serena Williams.

Das duas, a única que ganhou detalhes por enquanto é a de Schwarzenegger, que trará o artista dando conselhos motivacionais e será intitulada “Rules of Success”. Além da dupla, o Hollywood Reporter informa que a plataforma contará com programação original criada por Kevin Hart e influenciadores digitais como Emma Chamberlain e Rickey Thompson.

No último ano, a Snap Inc, que detém o Snapchat, vem criando novos projetos para tentar atrair de volta o público para seu aplicativo. Uma das principais novidades foi a criação de séries originais, que foi um projeto para tentar reverter um cenário de queda de 52% nas ações da empresa graças à competitividade do mercado.

Outra novidade anunciada foi a criação de jogos originais a serem jogados dentro do próprio aplicativo. Os jogos seguem os estilos simples de grandes sucessos dos smartphones, como “Clash Royale”. A ideia é não só manter os usuários dentro do aplicativo, como também incentivar a interação, já que você poderia jogar com seus amigos sem precisar sequer sair do chat do app.

Com a presença de astros mais internacionais como Schwarzenegger e Williams, é provável que o Snapchat consiga um alcance maior do que conseguiu com séries originais como “Endless Summer”. O documentário sobre webcelebridades acabou ficando preso ao nicho do público norte-americano, justamente por se tratar de figuras que não têm suas imagens tão internacionalizadas quanto as envolvidas nos futuros projetos da empresa.

Compartilhe: