Na Rússia, KFC cria balde que também serve de chapéu

E acredite se quiser, a marca inventou o item por motivos de nostalgia

por Pedro Strazza

Pessoas usarem baldes de comida de redes de fast food como chapéu é um hábito mais ou menos comum em confraternizações que vão muito além do esperado no quesito algazarra, mas uma marca da área se dispor a abraçar este uso não muito ortodoxo do item como produto é uma ideia que ninguém nunca tinha sequer considerado, talvez por motivos higiênicos. Isso não impediu o KFC de fazer isso, porém, e onde mais uma ação dessas poderia rolar que não fosse na Rússia, terra da vodca que muitas vezes é responsável por atos malucos assim?

Pois é, acredite se quiser, mas agora o conceito do “chapéu balde” existe pra valer. Criado pela Wieden & Kennedy Amsterdam em parceria com a marca de vestimentas “street” Mam Cupy, a rede de fast food lançou uma edição limitada do supracitado acessório ao preço de 24 euros no site oficial da própria Mam Cupy. Criado no estilo de um verdadeiro chapéu panamá, o produto de acordo com a KFC teria sido posto à venda agora porque pelo visto a cultura de usar um balde na cabeça voltou à moda depois de estourar nas raves dos anos 90.

É tudo tão doido que o chapéu já foi usado no clipe abaixo do grupo de música eletrônica RSAC – e isso só rolou porque a faixa incluía uma referência ao termo “wings” que segundo a agência era o suficiente pra ligar à marca.

Talvez desta vez a cultura de nostalgia tenha ido longe demais?

Bizarrice à parte, não dá pra dizer que o KFC divulgou de qualquer jeito o tal de “KFC Panama Basket”. A campanha em torno do chapéu chega ao ridículo de contar com um comercial filmado em película por Arthur Couvat, famoso fotógrafo e cineasta que trabalhou com marcas descoladas no skate como a Vans e a Vice, que consiste basicamente de uma narradora se perguntando se é um balde ou um chapéu enquanto pessoas fazem poses “cool” com o objeto – confira abaixo.

E o que diabos o KFC tira de bom desta campanha? Bom, o item pelo visto divulga a retomada oficial do visual clássico do balde da marca na Rússia, incluindo a reutilização das famosas listras vermelhas e brancas no vasilhame de papelão onde os clientes tradicionalmente comem suas asinhas da rede – ou usam de chapéu, como o item bem promove.

Compartilhe: