TikTok compra startup britânica que mistura música com inteligência artificial

TikTok compra startup britânica que mistura música com inteligência artificial

Jukedeck permite que usuários criem músicas inteiras em poucos passos, uma ferramenta que cai como uma luva aos interesses da rede social da ByteDance

por Pedro Strazza

O TikTok pelo visto adquiriu a Jukedeck, uma startup nascida no Reino Unido que vinha chamando a atenção por sua missão de conciliar música com inteligência artificial.

Em sua página no LinkedIn, o fundador e CEO da empresa Ed Newton-Rex alterou seu status para confirmar que ele ocupa o cargo de diretor do AI Lab da rede social da chinesa Bytedance desde abril – um movimento que outros nomes importantes da Jukedeck seguiram nas horas seguintes. Além disso, o site oficial da startup está fora do ar e apenas com a mensagem “Nós não podemos falar nada agora, mas estamos ansiosos para continuar a fomentar a criatividade usando IA musical!”.

Com mais de 2,5 milhões de libras acumulados em capital, a Jukedeck se especializou na produção de músicas sem direitos autorais à partir de inteligência artificial para alimentar vídeos da internet. O programa criado pela empresa permite que o usuário conceba sua própria música em poucos toques, incluindo ajustes de gênero musical, tempo, instrumentos, duração e até o clima que se quer passar com a trilha.

A compra faz sentido ao TikTok se considerar que a plataforma nos últimos tempos vem buscando adicionar mais e mais materiais originais para se desvencilhar de processos como o bloqueio sofrido na Índia no último mês de abril. Junto da aquisição da Jukedeck, a ByteDance também lançou este ano um novo projeto na Coréia do Sul e no Japão para descobrir novos artistas dentro de sua plataforma, afim de patrocinar possíveis grandes astros da música e manter os direitos de suas canções para seu catálogo.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link