A webcam há mais tempo em funcionamento na internet enfim será aposentada

FogCam monitora o clima de San Francisco na região da universidade estadual desde 1994, mas será desligada no próximo dia 30 de agosto

por Pedro Strazza

Em 1994, os então estudantes da Universidade Estadual de San Francisco Jeff Schwartz e Dan Wong instalaram uma webcam no campus da universidade para possibilitar a qualquer estudante a oportunidade de monitorar pela internet as movimentações climáticas – em especial a tradicional neblina da cidade – nas imediações da instituição, ficando atualizado com a situação de 20 em 20 segundos. Desde então, o site do projeto se manteve quase que constantemente em dia e ganhou até um nome entre seus “seguidores” fiéis: “FogCam”, a câmera da neblina.

A linda e longa jornada da webcam está chegando ao fim, porém. Depois de 25 anos no ar, o aparelho será desativado por seus realizadores no próximo dia 30 de agosto. A decisão foi anunciada por Schwartz e Wong em uma conta no Twitter, e marca o fim do que é possivelmente a webcam há mais tempo em funcionamento na rede.

Ao SFGate, Schwartz declara que o fim da FogCam chegou sobretudo pela ausência de apoio da universidade em manter o projeto ativo e das dificuldades cada vez maiores de alocar a webcam em um local seguro. “A real é que nós não temos mais uma vista ou lugar realmente bons para colocar a câmera. A universidade nos tolera, mas eles não nos apoiam pra valer e assim nós temos dificuldade para achar locais seguros por nossa conta” declara ao jornal, onde também afirma que apesar do encerramento do monitoramento o feed site ainda permanecerá ativo para fins de “posterioridade”.

A webcam da neblina pode ter registrado recordes de permanência ao ficar duas décadas e meia no ar, mas ainda não é a mais antiga da internet. Tanto que Schwartz e Wong já declararam em ocasiões anteriores que a inspiração para a FogCam veio da Trojan Room Coffee Pot Cam, um outro site lançado pelo cientista Quentin Stafford-Fraser na Universidade de Cambridge um ano antes da FogCam e que como bem diz o nome tinha o objetivo pitoresco de acompanhar o status de um pote de café de forma remota. Este feed foi desativado pouco menos de uma década mais tarde, porém, por conta de problemas de adaptação do seu código às novas tecnologias, mesmo agremiando legiões de turistas da instituição interessados em ver de perto a câmera.

Embora estes feeds históricos tenham ficado, bem, para a História, as webcams de monitoramento ao vivo ainda existem aos montes na internet, incluindo uma que mostra como anda a Abbey Road cinquenta anos depois do lançamento do icônico disco dos Beatles – e se você era um dos “fiéis” da FogCam, pelo menos ainda há 11 dias para saber como anda o tempo em San Francisco, ao vivo de 20 em 20 segundos.

Compartilhe: