É de Christina Hendricks a mão do icônico pôster de “Beleza Americana”

Quase uma década antes de estourar no mercado com “Mad Men”, trabalho de modelo levou a atriz a estampar anonimamente um dos cartazes mais icônicos de 1999

por Pedro Strazza

Faz pouco menos de 20 anos que “Beleza Americana” chegava aos cinemas dos Estados Unidos e começava uma jornada que culminaria em cinco estatuetas do Oscar – incluindo a cobiçada de Melhor Filme – na última edição do evento antes da entrada do século XXI. Desde então, o filme que entre outras coisas lançou a carreira de Sam Mendes vive entre altos e baixos entre o público, acumulando admiradores e detratores em igual razão no debate sobre sua relevância ou mesmo qualidade passado quase duas décadas de seu impacto nas telonas.

Gostando ou não, porém, a verdade é que o longa estrelado por Kevin Spacey e Annette Bening teve uma campanha de divulgação muito forte na época, o que inclui o belíssimo pôster da “mão segurando uma flor sobre a barriga” que marcou uma geração de espectadores e certamente é uma das artes promocionais mais lembradas do fim dos anos 90.

Mas ainda que o cartaz acima tenha gerado um impacto e seja lembrado com carinho por alguns, até hoje são poucos os detalhes do processo criativo por trás da arte. Ao longo destes 20 anos, a DreamWorks nunca cogitou divulgar ao público qualquer parte dos bastidores do pôster, acrescentando a ele uma aura de mistério que só o torna mais magnético. Nem mesmo o dono da mão e da barriga mostradas havia sido revelado até então.

Na noite desta quinta-feira (22/08), entretanto, a resposta sobre esta última parte enfim foi solucionada, vindo de uma das pessoas que poucos imaginariam ter algo a ver com esta história: Christina Hendricks, atriz que em anos recentes estourou no mercado por seu papel titular na série “Mad Men”.

Aparentemente sem motivo maior, a artista lançou uma publicação em sua conta no Instagram no qual revela que a mão do cartaz é dela, anos antes dela se firmar em Hollywood. No fim dos anos 90 uma total iniciante no cenário, Hendricks pagava as contas trabalhando como modelo, e suas mãos acabaram sendo escolhidas pela equipe de marketing do estúdio para estampar o filme que até então era apenas mais um na linha de produção da DreamWorks.

A reviravolta mais inacreditável desta história, porém, é que de acordo com Hendricks ela é dona apenas da mão mostrada no cartaz, cabendo a outra artista a tarefa de oferecer o umbigo à divulgação.

É claro que ainda existem muitas perguntas não respondidas (incluindo não apenas a identidade da outra atriz mas o porquê de Hendricks só ter feito este anúncio agora), mas o fato é que a revelação feita pela artista obviamente causou furor na internet, com direito a reações de choque de colegas de ofício como Elle Fanning, January Jones e Alison Brie. Quem diria, afinal, que daria para chegar à fama antes da fama?

Compartilhe: