Aliexpress abre primeira loja física no Brasil

Parceria com empresa de pagamentos Ebanx renderá loja em Curitiba em projeto piloto de 30 dias de duração

por Matheus Fiore

Ao longo da atual década, o Aliexpress se tornou uma das maiores lojas de varejo online do mundo. Pertencente ao grupo Alibaba, da China, o site foi criado em 2010 e, em poucos anos, se tornou um dos principais mercados virtuais para comprar produtos dos mais variados tipos e com bons preços.

No Brasil, onde temos o MercadoLivre, o Aliexpress também se infiltrou e logo se tornou presente no mercado brasileiro. Hoje, nove anos após sua fundação, a marca abre sua primeira loja física em terras brasileiras. A loja será temporária, mas terá um estabelecimento em Curitiba, no Paraná.

Localizada no Shopping Mueller, a loja é fruto de uma parceria entre o Aliexpress e a Ebanx, popular empresa de pagamentos cuja sede fica justamente em Curitiba. A loja terá vitrines físicas e virtuais. De acordo com a Folha de São Paulo, trata-se de um projeto piloto de trinta dias que, caso seja bem sucedido, pode ser expandido.

André Boaventura, sócio da Ebanx, falou sobre o projeto: “O shopping dá uma sensação de segurança ao consumidor. Colocar um ecommerce chinês nesse local ajuda a mudar a percepção de que os produtos de lá não têm qualidade. Há muito produto bom e vamos permitir que o consumidor tenha essas garantias”.

A ideia do projeto é fortalecer a marca Aliexpress no Brasil, aumentando a divulgação, aproximando de novos públicos e fidelizando clientes. Hoje, o Aliexpress tem como concorrentes não só o MercadoLivre, como os americanos eBay e Amazon, líderes no segmento. O ecommerce chinês, porém, se sobressai pelo baixo preço de boa parte de seu catálogo de produtos.

A loja do Brasil não será a única. No fim de agosto, o Alibaba confirmou que uma loja do Aliexpress também seria aberta em Madri, na Espanha. O projeto parece ser de internacionalizar e fortalecer toda a marca em lugares onde concorrentes do mercado ainda são dominantes.

Compartilhe: