Facebook quer construir uma pulseira que consegue ler mentes

Ainda não há previsão para quando a pulseira leitora de mentes será lançada, nem quanto tempo levará o seu desenvolvimento

por Soraia Alves

De acordo com Andrew Bosworth, vice-presidente do departamento de Realidade Virtual e Realidade Aumentada do Facebook, a empresa quer fabricar um dispositivo que consegue captar a intenção do que o usuário quer fazer antes mesmo da ação de verdade.

Andrew anunciou a aquisição dos laboratórios CTRL da plataforma de interface neural, e falou que o objetivo declarado da aquisição é construir uma pulseira que “capte sua intenção” lendo os sinais elétricos enviados pelo corpo.

Nas palavras de Andrew Bosworth: “Você tem neurônios na medula espinhal que enviam sinais elétricos para os músculos das mãos, dizendo-lhes para se moverem de maneiras específicas, como clicar no mouse ou pressionar um botão. A pulseira decodificará esses sinais e os converterá em um sinal digital que seu dispositivo possa entender, dando a você o controle sobre sua vida digital”.

A utilidade do gadget seria “dar ao usuário o controle sobre sua vida digital”, mas os críticos do Facebook alertam que é difícil acreditar que a empresa tem apenas essa intenção com um dispositivo tão poderoso.

Ainda não há previsão para quando a pulseira leitora de mentes será lançada, nem quanto tempo levará o seu desenvolvimento.

Compartilhe: