Super Bowl 2020: comercial da Audi coloca Maisie Williams pra cantar “Let It Go” em favor de um futuro sustentável (?)

Vídeo busca promover nova noção de luxo quando o assunto é carro, voltada obviamente para a linha de veículos elétricos da marca

por Pedro Strazza

A Audi retorna ao Super Bowl deste ano disposta a promover uma mensagem de sustentabilidade com olho em sua nova linha de veículos elétricos – em especial o Sportback, seu novo carro da linha e-tron. A forma como a marca traduziu isso junto da agência 72andSunny Amsterdam em um comercial, porém, é das mais exóticas, pois se trata literalmente de colocar a atriz Maisie Williams pra cantar “Let It Go” na estrada.

Pois é. Intitulado com um simples “Let It Go”, o vídeo de um minuto tem como gancho para a mensagem a narrativa de que a atriz celebrada por seu papel em “Game of Thrones” começa a cantar o hit de “Frozen: Uma Aventura Congelante” logo depois de descobrir pelo rádio e em meio ao tráfego que o verão tem registrado recordes alarmantes de temperatura. A partir daí o anúncio vira um mini-número musical, com vários figurantes se juntando ao coro para chegar na frase “Vamos dirigir em direção a um futuro mais sustentável” que encerra o comercial. Confira acima a peça na íntegra.

De acordo com o diretor de criação da agência Rey Andrade, o objetivo da Audi com a campanha é gerar uma reflexão no público sobre a ideia moderna de luxo em relação a veículos, redefinindo assim a concepção de progresso.

Já sobre o conceito de fazer Williams cantar “Let It Go” na peça, o executivo escreve à AdWeek que enquanto a escolha da atriz se deu por seu perfil “destemido, sincero e um pouco atrevido”, a presença da canção está no centro da campanha desde seus primeiros estágios de criação e reflete a busca da companhia por uma canção “que soasse como um hino, mas também comunicasse uma mensagem mesmo sendo palatável e divertido”.

Junto da exibição no Super Bowl, “Let It Go” deve também ser exibido nos múltiplos canais da Audi ao redor do globo nas próximas semanas, incluindo aí meios online e na televisão.

Compartilhe: