Novas atualizações do "Pokémon Go" ajustam jogo à pandemia do coronavírus
IMG_4684.0

Novas atualizações do “Pokémon Go” ajustam jogo à pandemia do coronavírus

Niantic vai aumentar número de habitats e proporcionar recursos que permitam aos jogadores capturar pokémons sem sair de casa

por Pedro Strazza

A crise do coronavírus continuar a afetar o mundo, incluindo aí comunidades inteiras criadas em torno de atividades externas e que incentivam a formação de grupos. Isso inclui o “Pokémon Go”, que já desenvolveu medidas para manter sua base de jogadores ativas em meio ao momento sem necessariamente incentivar os mesmos a se colocar em risco de contaminação.

Ao Polygon, a Niantic confirmou o plano de ajustar o game à nova realidade de quarentenas e home offices, declarando que o estúdio está “priorizando atualizações para ferramentas e experiências do ‘Pokémon Go’ que possam ser aproveitadas de movo individual”. Entre as novidades já instituídas, a desenvolvedora lançou mais habitats e pacotes de incenso para que os jogadores consigam coletar pokémons sem sair do lar.

Além disso, o jogo aumentou a eficiência das incubadoras – que pedem que o usuário dê um número de passos para rachar os ovos – e a frequência de recompensas das PokeStops. Eventos públicos do game foram cancelados até segunda ordem, incluindo o “Abra Community Day” que aconteceria neste domingo, 15 de março. As ligas de batalha também poderão ser realizadas de maneira remota entre os jogadores.

De acordo com a Niantic, ainda que estas alterações tenham sido feitas para atender “a situação de saúde global”, a companhia diz encorajar os usuários a “tomar decisões sobre onde ir e o que fazer em vista do que é melhor a sua saúde e a saúde de sua comunidade”.

Vale ressaltar que, de acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil conta agora com 140 casos confirmados de pessoas infectadas com o coronavírus. Segundo médicos e especialistas em saúde, a melhor forma de evitar a doença e suprimir seu contágio é cobrindo a boca e o nariz com o antebraço ao espirrar, evitando aglomerações e o contato com pessoas infectadas.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link