audi-russia-coronavirus

Na Rússia, Audi adere às cores vermelho e amarelo para homenagear profissionais de saúde

Campanha "Colors of Hope" usa as mesmas cores utilizadas para identificar funcionários do maior hospital de tratamento da COVID-19 em Moscou, onde os médicos usam crachás vermelhos e os enfermeiros crachás amarelos

por Soraia Alves

Como um sinal de solidariedade aos profissionais de saúde que estão atuando na linha de frente do combate ao novo coronavírus, a Audi na Rússia adotou novas cores para o seu logo. A campanha “Colors of Hope”, idealizada pela Leo Burnett Moscow, usa as cores amarelo e vermelho pois são as mesmas cores utilizadas para identificar funcionários do maior hospital de tratamento da COVID-19 em Moscou, onde os médicos usam crachás vermelhos e os enfermeiros crachás amarelos.

As cores nos crachás também têm um porquê dentro do hospital: devido ao uso de equipamentos de proteção que evitem o contágio dos profissionais, pacientes e funcionários têm dificuldade de diferenciar médicos e enfermeiros. Assim, as identificações coloridas ajudam nesse reconhecimento.

Além de adotar o logo colorido, a Audi também convida outras marcas a seguirem a campanha e trocarem temporariamente as cores de seus logos para vermelho e amarelo. De acordo com a Leo Burnett Moscow, por enquanto outras 7 marcas se ofereceram para participar, incluindo a montadora Skoda, uma estação de rádio, uma marca farmacêutica chamada Tantum Verde e a varejista de roupas Avese.

Todas as marcas que desejam se voluntariar podem colorir seu logo e usar a tag #ColorOfHope.

Compartilhe: