Apple e Google vão lançar sistema de rastreamento do coronavírus ainda em abril

Ferramenta ajuda a identificar quando usuário está próximo de alguém infectado com o COVID-19

por Matheus Fiore

Há algumas semanas, duas das maiores empresas de tecnologia do mundo, a Apple e o Google, anunciaram estar trabalhando em parceria para lançar uma ferramenta capaz de rastrear pessoas infectadas com o COVID-19, tanto nas plataformas iOS quanto Android. Agora, segundo o TechCrunch, o lançamento já tem data oficial: 28 de abril.

O sistema desenvolvido em conjunto tem como base registrar quando dispositivos se aproximam através de seus sinais de bluetooth. Com isso, usuários de smartphones poderão ser alertados quando estiverem fisicamente próximos de alguém infectado com COVID-19. A ferramenta será disponibilizada gratuitamente para governos e desenvolvedores autorizados.

Uma característica importante da ferramenta é que ela não permitirá que os usuários tenham seus dados compartilhados, protegendo a privacidade durante o uso. As empresas interessadas em desenvolver o uso da API poderão utilizar os códigos criados por Apple e Google para, já em maio, lançarem aplicativos com a funcionalidade.

A estrutura de software necessária para que os celulares estejam preparados para a ferramenta será implementada nas próximas atualizações dos sistemas operacionais de Apple e Google. Para estarem aptos a participar do rastreamento, os usuários precisarão apenas atualizar seus aparelhos pela Google Play ou pela App Store.

A Apple, porém, afirma que não permitirá que o recurso seja utilizado por outros aplicativos da App Store. Os recursos serão disponibilizados apenas pela Organização Mundial da Saúde ou para órgãos governamentais de cada país.

Compartilhe: