Essa cesta de basquete robótica ajuda você a nunca errar um arremesso

Youtuber Shane Wighton aproveitou tecnologia do Kinect da Microsoft para desenvolver sistema que ajusta a tabela ao ângulo necessário para fazer a bola passar pelo aro

por Pedro Strazza

Fazer cesta num jogo de basquete parece simples, mas é justo sua dificuldade que na verdade torna o esporte tão divertido de praticar e assistir. Para quem está cansado de errar os arremessos e só quer ver a bola atravessar aquele maldito aro, porém, o youtuber e engenheiro Shane Wighton acaba de desenvolver uma solução para lá de ridícula: uma cestinha robótica cuja missão de vida é fazer você acertar a cesta.

A tabela inteligente no caso é fruto de uma série de sensores que reconhecem a trajetória da bola e ajustam o quadro a um ângulo que permita que o rebote aconteça dentro do aro, dentro do período de tempo minúsculo entre o jogador fazer o arremesso e a bola chegar ao seu destino – 600 milissegundos, no caso – e incluindo até tiros horizontais. Há até tecnologia de reconhecimento facial envolvida, de forma a favorecer apenas alguns jogadores e impedir que as jogadas de outros virem pontos.

No vídeo lançado em seu canal Stuff Made Here, Wighton afirma que a ideia pro projeto veio do vídeo abaixo, lançado há uns meses pelo também youtuber Mark Rober e que no caso envolvia um alvo móvel de dardos que calculava o arremesso do jogador para que este sempre acertasse o centro do quadro.

Do lado tecnológico, a grande base do sistema desenvolvido pelo youtuber para a cestinha no caso foi o hardware do bom e velho Microsoft Kinect, o que explica de onde Wighton conseguiu desenvolver um sistema tão bom de reconhecimento facial sem quebrar muito a cabeça. Ainda há alguns desafios a serem solucionados, porém, com o engenheiro relatando que a tabela ainda sofre ora ou outra com delay e paga de “a cesta robótica mais burra do planeta”, em suas palavras.

Se você ficou curioso, vale a pena ver acima o vídeo na íntegra da cesta robótica pois Wighton gasta uns bons 16 minutos explicando de uma forma bem ilustrativa todos os passos de como o projeto se tornou realidade.

Compartilhe: