Cultura

“The Last of Us Part II” ganha atualização com novas dificuldades, macetes e efeitos visuais

Pacote anunciado para o dia 13 de agosto inclui inúmeras opções de customização, incluindo morte permanente, munição infinita e até estética 8 bits

por Matheus Fiore

A Naughty Dog disponibilizou uma grande atualização para seu grande sucesso de 2020, “The Last of Us Part II”. O jogo, lançado em junho, recebeu um patch gratuito que trará novas dificuldades, macetes e até mesmo novos efeitos visuais. A atualização ficará disponível no dia 13 de agosto, e deve incluir também melhorias no desempenho, algo comum nos primeiros meses pós lançamento de qualquer jogo das últimas gerações.

De acordo com a companhia no blog oficial, o jogo terá duas novas dificuldades. Atualmente, “The Last of Us Part II” já oferece, ao zerar a história principal, as dificuldades “plus”, que são ligeiramente mais difíceis que as padrão do jogo. Agora, o jogo terá também, além dos modos muito fácil, fácil, moderado, difícil, muito difícil e os cinco modos “plus”, as dificuldades “grounded” e “permadeath”.

No modo “grounded”, os jogadores perderão acesso a ferramentas importantes, como o display com contador de munição e o modo de escuta, útil para identificar inimigos se movimentando nas proximidades. Já em “permadeath”, como o próprio nome sugere, você não terá a opção de reiniciar o jogo ao morrer. Há, porém, uma opção para “facilitar”: o usuário pode escolher se o modo “permadeath” redefine o jogo para o início do capítulo ou zera totalmente a história de “The Last of Us Part II”.

Já as novidades visuais, claro, são opcionais, e oferecem ao jogador a possibilidade de jogar “The Last of Us Part II” com um visual 8 bits ou até mesmo de um desenho feito à mão, no estilo do jogo “The Walking Dead” da Telltale Games. Há, ao todo, vinte filtros disponíveis. Já os macetes são os clássicos facilitadores para tornar a experiência ainda mais fácil. Você pode ativar opções como munição infinita, criação de recursos infinita e até a opção one hit kill, que mata qualquer inimigo com apenas um disparo. Outras possibilidades são o slow motion durante o momento em que o jogador está mirando com uma arma.

Por não ter um modo online como outros grandes jogos dos últimos anos (como “Red Dead Redemption II”, da Rockstar Games por exemplo), jogos como “The Last of Us Part II” tendem a lançar novidades do tipo esporadicamente para manter o jogo fresco e continuar potencializando suas vendas. “Part II” é, provavelmente, o maior lançamento da Naughty Dog e da Sony na geração do PlayStation 4, e é normal (e esperado) que as duas empresas se esforcem ao máximo para manter o jogo atrativo, mesmo para quem já fechuo a história principal.