Conmebol lança pay-per-view da Libertadores com mensalidade de R$ 40

Pacote também inclui jogos da Copa Sul-Americana e Recopa

por Matheus Fiore

A Conmebol anunciou que a Conmebol TV, o serviço criado pela entidade futebolística sulamericana e a Band, ficará disponível já a partir de hoje pelo salgado preço de R$ 39,90 por mês. Os assinantes da Conmebol TV terão acesso às três competições da entidade: a Copa Libertadores, a Copa Sul-Americana e a Recopa.

Segundo o UOL, o PPV aparecerá na grade de canais da Claro e da SKY e os jogos também estarão disponíveis em um serviço de streaming. A produção e a programação ficam a cargo da BandSports. O acordo foi fechado apenas no último domingo, dia 13, e será válido por três temporadas.A Conmebol TV transmitirá jogos que anteriormente pertenciam à televisão fechada, com transmissão do SporTV. O contrato veio de última hora pois a Globo, que detinha os direitos para TV aberta e fechada, decidiu rescindir com a Conmebol.

Ao todo, só pela principal competição esportiva do continente, a Libertadores, serão 27 jogos exclusivos apenas na fase de grupos da competição. “Essa nova aliança nos permite aumentar ainda mais a distribuição dos jogos dos nossos emocionantes torneios para os torcedores do Brasil”, afirmou Juan Emilio Roa, diretor comercial da Conmebol.

O serviço não incluirá jogos que possuem contrato com a Disney e com o Facebook. Já quanto os jogos da TV aberta, que pertencem ao SBT, alguns serão transmitidos, outros, não. Já na rodada que se inicia hoje (dia 15), a Conmebol TV terá exclusividade nas partidas dos brasileiros Athletico Paranaense, Santos e Grêmio. Flamengo, São Paulo, Palmeiras e Internacional também disputam a competição, mas pelo menos na atual rodada, terão seus jogos transmitidos por outros meios.

Após mais de uma década sob as mãos da Globo, a Libertadores, assim como outras competições, vem sendo transmitida em outros canais. Se por um lado, isso causa uma transformação interessante no cenário, permitindo o surgimento de novas transmissões – os canais Esporte Interativo e Fox Sports sequer existiam há dez anos –, por outro, o efeito no bolso do torcedor é pesado, já que o obriga a investir mais dinheiro apenas para ter acesso aos jogos do seu time.

Compartilhe: