Com história de onça em perigo de extinção, Greenpeace lança campanha contra indústria da carne

Comercial é continuação espiritual de ação da ONG contra extinção dos orangotangos e conta com narração de Wagner Moura

por Pedro Strazza

O Greenpeace inaugurou nesta quinta (22) uma nova campanha que tem como objetivo chamar a atenção sobre as consequências da produção de carne nos ecossistemas ao redor do mundo. O comercial que é peça central da ação é também a sequência espiritual de “Rang-tan”, peça lançada em 2018 pela ONG para proteger os orangotangos da extinção.

Batizado de “Tem um monstro na minha cozinha”, o vídeo de pouco mais de dois minutos conta a história de um garoto que certa noite descobre a existência de uma criatura misteriosa e aparentemente aterradora na cozinha de casa – mas ele rapidamente descobre que o “monstro” na verdade é a grande vítima de um vilão muito maior.

Com animação criada pela Cartoon Saloon, o comercial e a campanha foram coordenados pela Mother London e contam com Wagner Moura na narração do vídeo. Você pode conferir acima a versão brasileira da peça e abaixo a original em inglês – ambas são narradas pelo ator. E se você não piscar, dá pra reparar numa participação bem especial de Paul McCartney no meio da animação.

Como fica bem evidente, o objetivo da campanha é mostrar de um jeito lúdico todas as consequências da produção de carne e como o público pode ajudar a diminuir o impacto dos campos industriais ao reeducar-se na alimentação – incluindo carnes à base de plantas e alimentos vegetarianos.

Além do comercial, a campanha também incentiva a assinatura de uma petição que pede às maiores redes de supermercado e fast food a parar de comprar carne de produtores que contribuem para o desmatamento ao redor do globo. Você pode contribuir com o documento aqui.

Compartilhe: