cover-tiktok4

TikTok vai começar a informar o porquê daquele teu vídeo ter sido deletado

Rede social também vai providenciar recursos de apoio a quem infringir regras da comunidade em tópicos delicados, incluindo automutilação e suicídio

por Pedro Strazza

O TikTok é a rede social do momento pra galera por muitos motivos, mas um deles não é a transparência da plataforma na hora de deletar conteúdos. Uma passada rápida no feed do aplicativo e você provavelmente vai esbarrar em algum vídeo no qual o usuário avisa na descrição que “teve que subir de novo” porque a plataforma deletou sem motivo aparente.

O fato é que até hoje a rede social da ByteDance de fato não contava com qualquer política de justificativa aos usuários em torno dos processos de sua moderação. Este cenário muda a partir desta sexta-feira (23), porém, conforme o TikTok confirmou que vai começar a dar algum esclarecimento sobre o que diabos a conta fez para ver sua obra deletada do ecossistema de vídeos do app.

O procedimento é mais ou menos similar ao que a concorrência já faz há algum tempo, conforme o TikTok declara que vai notificar o usuário afetado de qual diretriz da comunidade ele exatamente feriu com sua publicação. O foco é garantir que as “leis” do aplicativo estejam garantidas em sua integridade de forma uniforme e justa, de acordo com a rede social, o que leva ao segundo ponto: junto da notificação, um acesso para uma “apelação” da decisão também será disponibilizado na parte de baixo da tela caso o usuário acredite ter sido mal interpretado pela moderação.

O recurso já existia antes, vale acrescentar, mas o TikTok agora também vai providenciar apoio e contexto quando as infrações forem consideradas perigosas. No anúncio oficial, a companhia cita como exemplo conteúdos banidos por incitar automutilação e suicídio, que vão gerar acesso a especialistas no assunto nas notificações de retirada do conteúdo.

“Ser transparente com nossa comunidade é a chave para continuar ganhando e mantendo o respeito de nossos usuários” escreve a empresa no comunicado; “Nós ficamos felizes de poder trazer este novo sistema de notificação para todos os usuários, e nós vamos continuar a melhorar as formas de ajudar a comunidade a entender nossas políticas conforme continuamos a construir uma plataforma segura e de apoio”.

Como bem lembra o The Verge, o TikTok desde o seu segundo relatório geral de transparência dá sinais de que abraçaria este sistema de notificação, até porque no documento dizia estar mais atenta e criando um histórico dos motivos específicos que levavam vídeos a serem deletados do aplicativo.

Compartilhe: