zuckb9

Reino Unido quer regulamentar gigantes tecnológicas e propagandas online

Governo quer impor limites para fortalecer competição entre empresas e dar mais liberdade aos usuários da internet

por Matheus Fiore

O Reino Unido apresentou um plano para regulamentar as grandes empresas de tecnologia e que pode impactar diretamente nas propagandas segmentadas das redes sociais. A ideia é tornar o mercado mais competitivo, impedir monopólios das maiores companhias do segmento e dar maior liberdade para o usuário. Para isso, será criado uma Unidade de Mercado Digital para gerir e supervisionar o cenário a fim de mantê-lo pró-competição.

Empresas como o Facebook e o Google serão diretamente afetadas em suas atuações e projetos no Reino Unido, principalmente na questão da publicidade online. O projeto foi confirmado hoje pelo Departamento de Digital, Cultura, Mídia e Esporte (DCMS), segundo o Tech Crunch.

Todo o projeto gira em torno de apresentar um código de conduta estatutário, que visa dar aos usuários das plataformas mais opções e às empresas terceirizadas mais poder sobre os intermediários que hospedam e monetizam. Isso poderia, por exemplo, permitir que qualquer usuário da internet no Reino Unido opte por não ser exposto a nenhuma propaganda baseada em seu comportamento online, algo impensável na internet de hoje.

Caso o projeto siga adiante – a tendência é que sim –, isso significaria uma grande mudança na forma como todo o Reino Unido lida com internet, gigantes tecnológicas e publicidade online. É interessante observar, então, como grandes empresas e redes sociais lidarão com isso e se outros países cogitarão seguir o exemplo do Reino Unido.

Compartilhe: