coronga-facebook (1)

Facebook vai remover conteúdos com desinformação sobre vacina do coronavírus

Veículos como o New York Times ajudarão a vasculhar plataforma para encontrar postagens anti-vacina e geradoras de fake news

por Matheus Fiore

O Facebook confirmou hoje o mínimo esperado de uma rede social tão grande: a plataforma de Mark Zuckerberg vai remover da rede social quaisquer conteúdos com desinformação ou mentiras sobre as vacinas para a COVID-19. O trabalho será feito em parceria com o New York Times, que monitorará a plataforma em busca desse conteúdo e reportará diretamente para os gerentes de conteúdo do Facebook Group.

Antes, o Facebook havia informado que estava trabalhando para tornar mais difícil encontrar conteúdo com desinformação na plataforma. A ideia era ranquear negativamente para que as postagens não tivessem relevância nem alcance e, assim, fossem acessadas e compartilhadas pelo menor número de pessoas possível. A novidade, então, é um grande passo, já que é uma ação mais efetiva e direta no combate às fake news.

O problema é que o Facebook havia se comprometido a eliminar as postagens apenas se as alegações tivessem sido desconstruídas ou contraditas por grupos de saúde, como a Organização Mundial da Saúde ou Centro de Controle de Doenças. Desse modo, haveria tempo para as teorias conspiratórias infundadas serem compartilhadas por um tempo até que os órgãos especializados em saúde se manifestassem.

Agora, a apuração será em tempo-real, e permitirá que o combate à desinformação seja muito mais efetivo em um dos momentos cruciais da pandemia: o da aplicação das vacinas.

Compartilhe: