HERSHE-Hersheys

Hershey’s traz de volta campanha “HerShe” para dar visibilidade a artistas mulheres

Nova edição transforma as embalagens das tradicionais barras de chocolate ao leite em uma plataforma de exposição do trabalho artístico de oito mulheres

por Soraia Alves

Pelo segundo ano consecutivo, a Hershey’s traz a campanha “HerShe” para o Dia Internacional da Mulher. Criada pela BETC HAVAS, este ano a ação traz o tema “She Dreams” e “Her Dream” (“Ela Sonha” e “O Sonho Dela”, respectivamente), a nova edição transforma as embalagens de suas tradicionais barras de chocolate ao leite em uma plataforma de exposição do trabalho artístico de oito mulheres, em diversas expressões, e traz os seus talentos como forma de alcançar os sonhos.

O programa também funciona como uma ferramenta de capacitação e oferece workshops para capacitar mulheres artistas, com o apoio da Plano Feminino.

A valorização do trabalho de mulheres já faz parte da cultura da empresa, que está sob o comando global de uma mulher, Michele Buck, e conta com um quadro de funcionários composto por 51% de mulheres.

Após o sucesso da ação em 2020, esse ano a marca apresenta o trabalho da dançarina Aline Constantino, da fotógrafa Filipa Aurélio, da atriz e poetisa Luz Ribeiro, da poetisa Carolina Peixoto, da ilustradora Amanda Lobos, da musicista Indy Naíse, da bordadeira Mitti Mendonça e da grafiteira Regina Elias Ziza, em embalagens exclusivas criadas por elas.

O destaque das artes é garantido com o uso da tecnologia, com um QR Code que ao ser acessado pela câmera do celular, aciona um conteúdo em realidade aumentada para dar destaque às artes elaboradas e acesso direto à história do sonho de cada uma das artistas. Cada uma delas gravou um vídeo de apresentação personalizado em que mostra o seu talento e a sua realidade repleta de desafios e superação, criando uma conexão com a história de milhares de mulheres que vivem realidades parecidas.

As 320 mil barras de chocolates temáticas da Hershey’s serão produzidas como edição limitada e estarão disponíveis para venda em lojas selecionadas do Grupo Pão de Açúcar e no e-commerce da marca.

Para dar ainda mais expressividade à ação, a BETC HAVAS também criou um videoclipe com a cantora Yzalú, que estampou uma das embalagens da edição de 2020 e agora retorna como uma embaixadora de novas artistas, interpretando música de sua autoria. Produzida especialmente para a campanha, a composição “Qual teu sonho” e o clipe dão o tom da campanha ao apresentar os universos das oito artistas desse ano, promovendo empatia com a busca das mulheres por uma sociedade com mais oportunidades e condições de tornar os sonhos realidade. Tudo é apresentado utilizando diversas referências femininas ao longo da história, celebrando o legado de grandes mulheres como Frida Kahlo, Tarsila do Amaral e Angela Davis, entre outras.

A Hershey’s também utiliza tecnologia para criar interatividade com seus consumidores e vai publicar os trabalhos das artistas em suas redes sociais, canais digitais e site da campanha para potencializar a divulgação dos talentos. E, na semana do Dia Internacional da Mulher, a marca traz de volta a galeria virtual em que mais talentos femininos poderão mostrar seus trabalhos por meio da hashtag #HerShe, para também serem divulgadas nos perfis e site de Hershey’s.

Para dar continuidade e promover o assunto de forma genuína, além do dia ou do mês da mulher, a empresa seguirá nos meses posteriores com workshops para a capacitação profissional de mulheres e mentorias gratuitas com diversos conteúdos sobre marca pessoal, estratégia de negócios, precificação, networking, posicionamento de marca e media training. As sessões acontecem em parceria com a Plano Feminino – consultoria para empresas e marcas com foco em gênero, raça e diversidade –, ministradas por Vivi Duarte, CEO da plataforma e presidente do Instituto Plano de Menina. As inscrições podem ser realizadas pelo site www.hersheys.com/hershe, que também traz conteúdos sobre o projeto e as artistas.

Sobre as artistas

  • Aline (dança): Aline Constantino dança Breaking desde 2005 e acredita nas mudanças sociais e pessoais que a dança proporciona em uma pessoa.
  • Filipa Aurélio (fotografia): Filipa Aurélio é natural de Lisboa e mora em São Paulo desde 2014. Fotografa e documenta o circuito de música independente brasileiro.
  • Luz Ribeiro (teatro e poesia): Luz Ribeiro integra o grupo de pesquisa e teatro Coletivo Legítima Defesa, e é autora dos livros.
  • Amanda Lobos (ilustração): Amanda Lobos trabalha com ilustração, design gráfico, embalagens, identidades visuais e materiais gráficos diversos.
  • Regina Elias Ziza (grafite): artista visual, ilustradora, grafiteira e educadora, Soberana Ziza, como é conhecida a artista, atua desde 2006 expondo seus trabalhos com uma pesquisa estética sobre negritude e feminino, numa abordagem afro futurista.
  • Carol Peixoto (poesia): poeta e produtora cultural. Publicações: Mexe a Mão (2018); Dezluas (2017) e Bola, Lápis E Papel (2013).
  • Indy Naíse (música): Indy Naíse é cantora e compositora, nasceu em 1993 na cidade de Juazeiro (Bahia), e vem ganhando cada vez mais destaque com sua música.
  • Mitti Mendonça (bordado): Mitti é artista têxtil e ilustradora. Criou o selo Mão Negra para continuar a tradição do bordado, que circula há quase 100 anos entre as mulheres da família.
Compartilhe: