braveb9

Brave está desenvolvendo seu próprio sistema de busca, com foco em privacidade

Navegador tenta aproveitar momento em que o Google Search está em baixa por polêmicas com segurança de dados dos usuários

por Matheus Fiore

Nos últimos anos, navegadores feitos por empresas menores têm ganhado mais espaço em virtude dos problemas de privacidade e segurança encontrados em grandes navegadores, como o Chrome e o Firefox. O Brave é um desses browsers, que desde o lançamento promete uma experiência segura e com privacidade. Agora, a empresa por trás do serviço está prometendo seu próprio sistema de busca, também focado em proteger a privacidade do usuário.

Segundo o Engadget, o mecanismo vem com o propósito de ser uma alternativa direta para o Google Search e o Chrome. O Brave Search vai usar os mesmos princípios de seu browser, que hoje possui mais de 25 milhões de usuários ativos mensalmente. O grande diferencial seria o fato de o navegador não rastrear ou armazenar dados de seus usuários.

Para manter o serviço, obviamente a Brave precisa de investimentos. Por isso, a empresa está trabalhando para trazer seu próprio sistema de anúncios, de forma que não dependa de propagandas personalizadas que rastreiem as buscas e hábitos de quem utilizar o buscador.

Não por acaso, a notícia chega na mesma semana em que o Google anuncia seus planos para remodelar o sistema de anúncios do Google Search. A ideia é parar de exibir anúncios baseados no histórico de navegação dos usuários do Chrome. Enquanto o maior buscador da internet tenta corrigir seus erros, os concorrentes correm para apresentar uma plataforma mais confiável.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link