Era dos Mais: Apple TV+ e Disney+ garantem primeiras indicações ao Oscar com "Wolfwalkers" e "O Grande Ivan"

Era dos Mais: Apple TV+ e Disney+ garantem primeiras indicações ao Oscar com “Wolfwalkers” e “O Grande Ivan”

"Soul", "Mulan", "A Toca" e "Greyhound" também fazem parte da estreia das plataformas na premiação da Academia

por Pedro Strazza

A lista do Oscar 2021 traz muitos feitos históricos para o prêmio da Academia, mas para além das questões de diversidade (e a coincidência irreverente delas enfim começarem a acontecer num ano de crise) a edição deste ano da cerimônia mais importante de Hollywood foi muito benéfica ao streaming. Além da dominância habitual da Netflix e do maior número de aparições do Amazon Prime Video, dois novos serviços marcaram presença pela primeira vez na lista deste ano: a Apple TV+ e o Disney+.

O streaming da Apple é dos novatos o que chegou mais pontualmente na disputa. Com campanhas extensas a “Cherry: Inocência Perdida” e “On the Rocks”, a plataforma acabou marcando presença com outros dois títulos menores, com “Greyhound: Na Mira do Inimigo” aparecendo entre os indicados a recém-criada Melhor Som e “Wolfwalkers” entre os finalistas de animação. Mesmo assim o primeiro não conseguiu tudo o que queria, dado que o suspense marítimo mirava presença na corrida de efeitos visuais.

Vale lembrar que este não é o primeiro ano que a Apple faz campanha pelo streaming, além de tecnicamente não ser a primeira nomeação da companhia no prêmio. Além do TV+ ter tentado vaga no Oscar de 2020 com “O Banqueiro”, a empresa na divulgação oficial de suas indicações reitera que já foi agraciada com “81 vitórias e 329 indicações até hoje” no prêmio da Academia – fruto de todas as colaborações que tocou em projetos de terceiros.

Já o todo poderoso e cada vez mais onipresente Disney+ marca presença na corrida com as indicações de “O Grande Ivan” em efeitos visuais e “Mulan” em figurino e efeitos, além de 2 filmes da Pixar que chegaram com exclusividade na plataforma graças à pandemia. “Soul” é o nome maior, claro, com 3 lembranças na premiação pelas categorias de animação, trilha sonora e som, mas o curta “A Toca” do Pixar Sparkshorts também garantiu lugar no páreo de curta-metragem de animação.

Vale ressaltar que a Disney+ tem chances sólidas de vencer dois prêmios na noite com “Soul”, dado que o longa é favorito nas categorias de animação e trilha sonora. Se vai converter ou não, só assistindo a cerimônia na noite do dia 25 de abril para saber.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link