whatsapp-figurinhas-vacina Imagem: Divulgação/WhatsApp

Em parceria com OMS, WhatsApp lança pacote de figurinhas para incentivar vacinação

Plataforma afirma que objetivo é ser um modo divertido e criativo de incentivar a vacinação da população contra a Covid-19

por Soraia Alves

O WhatsApp anuncia, em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS), um novo pacote de figurinhas chamado “Vaccines for All” (“Vacinas Para Todos”), com o objetivo de ser um modo divertido e criativo de incentivar a vacinação da população contra a Covid-19.

Segundo a empresa, as figurinhas também são uma forma de expressar gratidão aos profissionais de saúde que continuam trabalhando para salvar vidas durante a pandemia. “Desde o início da pandemia, firmamos parcerias com mais de 150 governos municipais, estaduais e federais, além de organizações, como a OMS e a UNICEF, para oferecer canais de apoio sobre a Covid-19 e conectar nossos mais de dois bilhões de usuários a recursos e informações precisas. No último ano, mais de três bilhões de mensagens foram enviadas por meio destes canais”, diz o comunicado da empresa.

Imagem: Divulgação/WhatsApp


Em alguns países, os governos estão usando os canais de apoio para se conectar diretamente com os cidadãos, oferecendo informações precisas e agendamento para a vacina. É o caso de lugares como Indonésia, África do Sul, Argentina, Brasil e Índia. Na Indonésia, 500 mil trabalhadores da área de saúde se cadastraram para tomar a vacina nos primeiros cinco dias deste serviço. “Queremos ajudar os governos e as organizações internacionais a alcançar o maior número possível de pessoas ao redor do mundo com informações e serviços ligados à vacinação, especialmente pessoas em locais de difícil acesso ou pertencentes a grupos marginalizados. Além disso, dispensamos as taxas normalmente cobradas para o envio de mensagens por meio da API do WhatsApp Business”.

Andy Pattison, Líder da equipe de Canais Digitais da OMS, lembra que embora a vacinação já esteja acontecendo, ainda é necessário manter as medidas de segurança para evitar a contaminação pela Covid-19: “Por enquanto, devemos continuar a usar máscaras, seguir o distanciamento social, evitar aglomerações, ventilar espaços internos e manter as mãos bem limpas”, conclui.

Compartilhe: