thumb-1920-1082646 Imagem: Divulgação/Reprodução

Sony já vendeu 7,8 milhões de unidades do PlayStation 5

Manutenção das vendas do PS4 e alta nas assinaturas da PS Plus também ajudaram divisão do PlayStation a fechar 2020 com recorde histórico nos lucros operacionais

por Pedro Strazza

A Sony divulgou nesta quarta (28) o seu relatório financeiro do último trimestre e confirmou que já superou a marca de 7,8 milhões de unidades vendidas do PlayStation 5 desde o último dia 31 de março. O número é um salto: no último relatório, a companhia havia declarado 4,5 milhões de vendas do console, o que significa que só nos primeiros 3 meses de 2021 o PS5 quase dobrou o número de usuários.

A informação corrobora um relatório da NPD Group, que no começo do mês declarou que o novo PlayStation seria o console que mais vende nos EUA, e acontece num cenário curioso onde a Sony não consegue dar conta da demanda pelo console – o PS5 vive esgotando no varejo, com suas breves aparições despertando corridas de consumidores.

Enquanto seu principal produto segue numa reta ascendente, a divisão de games da Sony como um todo também anda muito bem, obrigado. Enquanto o número de assinantes da PS Plus cresceu 14,7% no último ano e agora está na altura dos 47,6 milhões de usuários, o PlayStation 4 também continua vendendo bem apesar da queda natural pela mudança de geração. Com um total de 115,9 milhões de unidades vendidas, o PS4 viu as vendas caírem 28,6% nestes primeiros três meses de 2021 em relação ao mesmo período em 2020, mas ainda registrou 7,6 milhões de unidades vendidas até o último dia 31.

Em termos de receita, a PlayStation confirmou que o lucro operacional no último ano foi de 3,14 bilhões de dólares, um recorde histórico para a Sony.

Compartilhe:
icone de linkCopiar link